São Vicente: Fattú Djakité lança campanha para promover autocuidado e celebrar diversidade e empoderamento feminino

08-03-2024 1:02

Mindelo, 08 Mar (Inforpress) - A cantora Fattú Djakité lança hoje uma campanha para promover o autocuidado, celebrar diversidade e o empoderamento feminino e arrecadar fundos para apoiar uma instituição em Cabo Verde e outra na Guiné-Bissau que trabalham em prol de mulheres.

À Inforpress, a artista informou que a campanha, que arranca neste Dia Internacional da Mulher, é denominada “Badjuda Bonita”, nome da sua nova música que será disponibilizada, no dia 27 de Março, Dia da Mulher Cabo-Verdiana.

Segundo a cantora, durante essa campanha mulheres de Cabo Verde e da Guiné Bissau, algumas influenciadoras artistas ou pessoas com notoriedade e outras que também tem histórias para partilhar, serão convidadas a responder perguntas diferentes relacionadas com a autoestima para mostrar o seu empoderamento e mostrar como priorizam o seu bem-estar.

“Vai decorrer durante 20 dias em que vamos compartilhar vídeos com histórias inspiradoras de mulheres reais que superaram desafios e abraçaram a sua autenticidade. Vamos ter um desafio que vai decorrer no Instagram sobre o autocuidado. É um convite que faço a mulheres para tirar o seu tempo durante esses 20 dias para fazer uma coisa que gostam. Pode ser um tempo para fazer uma meditação, um banho relaxante, uma caminhada”, explicou

 A artista também conta ir às ruas para ouvir histórias de “mulheres comuns” para saber como é que elas arranjam tempo para cuidar de si mesmas, apesar da jornada de trabalho, em casa ou fora, que enfrentam diariamente.

Conforme Fattú Djakitté, a música “Badjuda Bonita” será a trilha sonora da campanha pelo que será disponibilizado um link onde as pessoas poderão baixar a música mediante pagamento de uma quantia simbólica.

A ideia, explicou, é doar 20 por cento (%) dos fundos arrecadados para apoiar duas instituições, uma em Cabo Verde e outra na Guiné-Bissau, que trabalham em prol das mulheres.

“Ainda não escolhi as instituições, mas depois eu e o público vamos escolher em conjunto as instituições que acreditamos que valem receber este apoio”, arrematou a mesma fonte, afirmando que espera contar com o apoio de várias mulheres nesta campanha.

CD/JMV
Inforpress/Fim
 

Notícias Recentes


14-06-2024 0:17
14-06-2024 1:25
13-06-2024 22:05
13-06-2024 19:49
13-06-2024 19:04