São Valentim: Casal recomenda comunicação e paciência nos relacionamentos para prolongar amor

14-02-2024 11:07

Cidade da Praia, 14 Fev (Inforpress) – Por ocasião do Dia de São Valentim, celebrado hoje, quarta-feira, 14, um casal, residente na zona de São Filipe, cidade da Praia, fala da importância da comunicação e paciência nos relacionamentos para “estender” o amor.

Numa entrevista à Inforpress, Marco Furtado e Melissa Lima contam que vivem juntos há cerca de dois anos e têm um filho de 1 ano e meio e relatam as experiências e os desafios que a vida lhes tem apresentado para manter o amor sempre “vivo”.

Consideram que 14 de Fevereiro não deixa de ser uma data especial, porque para além de celebrar o amor, também se comemora a amizade.

No entender de Marco Furtado esse dia também espelha momentos de reflexão, reviver o amor e a amizade, “na correria do dia a dia que não é fácil, acabamos por dar menos atenção ao amor e à amizade, o que não é bom”, disse.

Conforme relatou, “o Dia de São Valentim, apesar de ser uma data voltada para o comércio, para a venda de produtos, troca de presentes e jantares, é uma data também, para as pessoas reflectirem e fortalecerem as acções naquilo que realmente importa”.

“Aprendemos e estamos a aprender muita coisa todos os dias, tivemos uma criação diferente, temos personalidades e hábitos diferentes e com o passar do tempo vamo-nos conhecendo melhor”, asseverou Marco.

Por seu turno, Melissa Lima, conta que na altura do namoro, um dos maiores incentivos para que pudessem dar o próximo passo, foi a notícia da gravidez. “Não estávamos à espera, já tínhamos um ano de namoro, só que nesse meio tempo engravidei, mas também não estávamos muito preocupados a prevenir, uma coisa levou a outra”, relatou a companheira.

Garantiram, no entanto, que esta sendo uma experiência “gratificante”, afirmando que o sentimento torna-se ainda mais forte quando há uma criança no meio, “percebes que estar num seio familiar coeso é muito bom, crias estabilidade e paz de espirito”, engrandeceram.

Neste caso recomendam “muita comunicação na relação”, acreditando que se deve ouvir o outro lado para evitar mal-entendidos.

Melissa observou que muitos dos problemas que surgem nos relacionamentos é que as pessoas não estão “dispostas a comprometerem-se, a dedicarem-se a uma pessoa”.

“Tens qualquer desentendimento com o parceiro e já não queres saber mais dele, que venha o próximo! Isso deve-se à falta de paciência e de compromisso, para saber lidar com opiniões diferentes. As pessoas acabam por ser egoístas – quero aquilo que me satisfaz e fazer aquilo que me apetece e não estou interessada naquilo que o outro pensa ou sente – penso que é isso que está a acontecer com as relações de hoje, as pessoas estão preocupadas em satisfazer apenas as suas vontades”, lamentou.

Todas as pessoas têm de ter um foco, ter um compromisso e ter a sua família como principal foco, sendo a família a base de uma sociedade, terminou Marco Furtado.

OS/HF

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


14-06-2024 0:17
13-06-2024 22:05
13-06-2024 19:49
13-06-2024 19:04
13-06-2024 19:45