Presidente da câmara afirma nos últimos anos Ribeira Grande de Santiago regista ganhos com forte impacto na vida dos munícipes

31-01-2024 18:17

Cidade da Praia, 31 Jan (Inforpress) - O presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande de Santiago, Nelson Moreira, afirmou hoje que apesar dos desafios, o município regista “grandes ganhos” que têm contribuído na melhoria da qualidade de vida dos munícipes e no desenvolvimento local.

O autarca fez este anúncio quando proferia o seu discurso na cerimónia de abertura da comemoração do Dia do Município e de “Nhu Santu Nomi”, que se celebra a 31 de Janeiro, sob o lema “Cidade Velha, nôs Bersu, Nôs Tradison” (Cidade Velha, nosso berço, nossa tradição).

“O percurso do município da Ribeira Grande de Santiago foi todo ele de enormes desafios, o presente mandato iniciou sob o signo da covid-19, cujos efeitos tiveram impacto negativo nos planos de actividades e orçamento da autarquia local e agora temos também a crise provocada pela guerra Rússia - Ucrânia”, reconheceu.

Nelson Moreira destacou os ganhos e investimentos feitos nas várias áreas no município de Ribeira Grande de Santiago, salientando que a câmara investiu cerca de cinco milhões de escudos de 2021 a 2023 apoiando mais de três centenas de munícipes na área da saúde e investimentos de mais de 18 milhões de escudos na reabilitação e construção de casas de banho.

Apontou que em matéria de salvaguarda da saúde pública e melhoria das condições da saúde para a criação de suínos, um dos sustentos para a economia família, em 2022 e 2023, a autarquia local investiu quatro mil contos.

Segundo Nelson Moreira, a câmara conseguiu, igualmente, mobilizar aproximadamente 70 mil contos com vista a implementação do projecto de valorização e reactivação do vale de São Martinho Grande, especificando que em curso estão as obras de requalificação da localidade de Salineiro e que ainda para este ano perspectiva a conclusão da primeira fase da orla marítima de Cidade Velha.

“Todos os ganhos elencados de 2021 a esta parte reflectem o esforço e a motivação desta equipa, dos parceiros, do Governo na senda de uma Ribeira Grande de Santiago mais inclusiva, mais próximas”, declarou elencando, por outro lado, ganhos visíveis nos outros sectores de intervenção municipal.

Por seu turno, o líder da bancada municipal do Movimento para a Democracia (MpD), António Monteiro, afirmou que Cidade Velha regrediu nos últimos anos em matéria de saneamento e urbanismo, tendo frisado que ainda existem promessas por cumprir por parte da autarquia local.

“É hora de acordar. Se lembramos o PAICV novo rumo, sim devia traduzir em mais justiça social e agora confirma-se o novo rumo está à deriva, apontado um conjunto de promessas feitas pelo PAICV que não foram cumpridas. Temos a orla marítima da Cidade Velha não concluída, praça de João Varela e Chã de Igreja, estrada de ponta sol, e tudo mais inacabadas. Onde estava o senhor presidente da Câmara Municipal de Ribeira Grande de Santiago, a dormir entre a utopia e a falsa realidade”, questionou.

Defendeu, neste sentido, a necessidade de o município acordar do sono profundo para que Ribeira Grande de Santiago seja transformado no concelho “mais justo, inclusivo e competitivo”.

Por sua vez, o líder da bancada municipal do PAICV, João Pereira, destacou os ganhos registados nos últimos anos no município de Ribeira Grande de Santiago em várias áreas, frutos do trabalho da actual equipa camarária.

“É notório que Ribeira Grande de Santiago segue o seu percurso de desenvolvimento, sendo hoje um município em transformação e reconhecido como referência nacional na gestão da coisa pública, valorização do turismo inclusivo, náutico e religioso. Atrelado a isto, outros investimentos de âmbito empresarial irão reforçar a nossa visão em vários domínios. Hoje, mais do que nunca, estamos convencidos que conseguimos conferir novo rumo a RGS”, declarou.

CM/CP

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


14-06-2024 0:17
14-06-2024 1:25
13-06-2024 22:05
14-06-2024 8:00
13-06-2024 19:49