Preços dos produtos alimentares com baixa na produção e cotação na primeira semana de Fevereiro

08-02-2024 18:01

Cidade da Praia, 08 Fev (Inforpress) – Os preços dos produtos alimentares de primeira necessidade a nível mundial apresentaram, na semana de 31 de Janeiro a 06 de Fevereiro, uma baixa na produção e cotação do milho, trigo, arroz e óleo de soja.

A informação consta do INFOSemanal nº 06/2024, divulgado hoje pelo Secretariado Nacional para a Segurança Alimentar e Nutricional (SNSAN) face ao comportamento dos preços dos produtos alimentares de base no mercado internacional.

Conforme o boletim de informações, os preços mundiais de exportação de milho apresentaram uma tendência de baixa face à semana anterior, sendo que nos Estados Unidos, as cotações foram influenciadas pela ampla oferta de milho e perspectiva de redução na procura da China.

Na Argentina, explica ainda o boletim de informação, a Buenos Aires Grain Exchange destacou atrasos no plantio nas áreas de cultivo do norte devido ao clima seco, enquanto as altas temperaturas foram consideradas desfavoráveis nas regiões centrais, sendo que no Brasil, foi reportado que os primeiros plantios da safra 2023/24 estavam 95% concluídos e a debulha avançou para 14%.

Segundo a mesma fonte, no mercado mundial os preços de exportação de trigo registaram baixa em relação à semana anterior, tendo a Rússia registado quedas sustentadas por redução na procura.

“As exportações acumuladas em 2023/24 (Jul/Jun) até Janeiro (todas as rotas) foram fixadas em 29,7 MT (Milhões de Toneladas). Na União Europeia (UE), os preços do trigo mantiveram-se na queda, com a concorrência do Mar Negro sendo determinante, enquanto que na Argentina as cotações sofreram baixa na ordem de 2,0% face à semana anterior”, lê-se no documento.

Segundo o INFOSemanal nº 6/2024, os preços mundiais de exportação de arroz mantiveram a tendência de baixa em relação à semana anterior, sendo que na Tailândia, a redução nos interesses de compra devido à aproximação dos feriados do Novo Ano Lunar contribuiu para a queda nas cotações de arroz.

No Vietname, os preços caíram devido à pressão de novas colheitas e a desaceleração da actividade antes das festividades sazonais.

A análise quinzenal face ao comportamento dos preços dos produtos alimentares no mercado internacional indica que os preços mundiais de exportação de óleo de soja mantiveram tendência de baixa em relação à semana passada.

Na Argentina, as cotações de óleo de soja reduziram cerca de 3,1% face à semana anterior e no Brasil, a queda registada nos preços de óleo foi de cerca de 2,4%.

De acordo com a INFOSemanal, os preços mundiais de exportação de açúcar apresentaram uma tendência de baixa face à semana anterior, tendo o Brasil, em Janeiro, batido novo recorde nas exportações com uma taxa de 17,3% acima do maior volume já registado no período homólogo de 2013, de acordo com a Datagro.

Na Índia, foi reportado que o governo não tinha planos de aumentar a alocação de açúcar para a produção de etanol acima dos 1,7MT já anunciados para a temporada.

PC/HF

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


16-06-2024 19:33
16-06-2024 16:12
16-06-2024 16:03
16-06-2024 15:47
16-06-2024 14:57