Praia: 30 famílias de São Pedro/Latada vão beneficiar de ligação domiciliária de água

07-03-2024 20:02

Cidade da Praia, 07 Mar (Inforpress) - Trinta famílias do bairro de São Pedro/Latada vão beneficiar, dentro em breve, de ligação domiciliária e abastecimento de água, no âmbito de um protocolo tripartido assinado hoje entre Associação Avénir Écoles Cap-Vert, AdS e Câmara Municipal da Praia.

O protocolo de cooperação tripartido, rubricado na cidade da Praia, visa ligações domiciliares, abastecimento de água, e melhoria da eficiência hídrica no bairro de São Pedro/Latada.

Após o acto de assinatura, a presidente da Associação Avenir École Cabo Verde, Adriana Mendes, enquanto mentora do projecto, explicou que a iniciativa surgiu pela constatação da falta deste líquido precioso nas casas de muitas famílias desta localidade da cidade da Praia.

“Há outros municípios que contemplamos com este projecto, como São Miguel, cujo projecto já está na fase final. E nós verificamos esta carência de água naquele bairro, depois houve um contacto com a Águas de Santiago (AdS), que tinha já este plano para ligações domiciliárias, então apresentamos o projecto à Câmara Municipal da Praia”, explicou.

Segundo Adriana Mendes, este apoio vai ao encontro do objectivo desta associação, que tem como foco trabalhar a educação e família, diminuindo as suas dificuldades como carência de água, e fazendo com que os jovens, ou estudantes tenham melhores condições de ir, por exemplo, à escola.

“Já temos o montante disponível, e isso tudo vai depender da rapidez do processo”, assegurou, avançando que a Associação Avénir Écoles Cap-Vert tem em mente outros projectos para apoiar associações na capital do país, mas, explicou, para esta concretização é preciso antes buscar financiamento.

Por seu lado, o presidente da Câmara Municipal da Praia, Francisco Carvalho, enalteceu a parceria, ressaltando que este protocolo é um contributo “muito importante, prático e directo” para a melhoria de vida de um conjunto de famílias na localidade de São Pedro, que vão ver "finalmente" concretizado o sonho de água canalizada.

“Isto é extraordinário, e, de facto, é motivo de uma grande alegria e de uma grande satisfação", reforçou o autarca, para quem é também motivo de satisfação o facto deste projecto só ser possível devido a iniciativa de uma associação que tem colaborado muito com Cabo Verde.

O projecto de ligação domiciliária de água vai contemplar, “dentro em breve”, uma parte do bairro de São Pedro/Latada que até então a água não tinha chegado às suas torneiras, num montante de cerca de cinco mil contos.

ET/CP

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


17-06-2024 10:59
17-06-2024 10:42
17-06-2024 10:30
17-06-2024 10:27
17-06-2024 8:38