Portugal: Projecto “A Mulher da Minha Vida” da cabo-verdiana Sara Sarowsky celebra mulheres em exposição fotográfica

11-03-2024 12:21

Lisboa, 11 Mar (Inforpress) – A cabo-verdiana Sara Sarowsky, residente em Portugal, é mentora do projecto “A Mulher da Minha Vida”, que resultou numa exposição de fotografias para homenagear e celebrar as mulheres neste mês de Março.

A exposição, que decorre de um concurso de fotografia, está patente no Teatro Avenidas, no bairro do Rego, em Lisboa, tendo também como curadora Sara Sarowsky.

Foi inaugurada no dia 08 de Março, Dia Internacional da Mulher, e ficará patente ao público até 09 de Abril.

À Inforpress, Sara Sarowsky explicou que idealizou o projecto “A Mulher da Minha Vida” e apresentou a ideia ao Teatro Avenidas, inicialmente concebido para 2023, mas adiado para 2024 devido aos trâmites legais necessários.

Conforme ela, a primeira fase do projecto consistiu num concurso de fotografia, lançado em Dezembro e posteriormente estendido até Janeiro para garantir maior participação da comunidade local.

Com um esforço de divulgação intenso, envolvendo visitas a associações e instituições do bairro, o projecto recebeu um total de 41 inscrições, incluindo participantes de todo o país e até mesmo dos Estados Unidos.

“O vencedor é da área do Porto, e nós tivemos o segundo classificado de Odivelas, e o terceiro do bairro de Caselas, ninguém do bairro do Rego, mas tivemos pessoas do bairro que fizeram questão de participar. O projecto culminou no dia 08 de Março, Dia Internacional da Mulher, com a exposição, e não foi por acaso. É uma data muito simbólica”, frisou.

Na inauguração, conforme Sara Sarowsky, o Teatro Avenidas recebeu entre 40 e 50 pessoas participantes da conversa aberta, em que foram discutidos os temas em torno da homenagem às mulheres e exibidas as fotografias vencedoras.

Os vencedores do concurso foram anunciados, com destaque para a jovem Marta Peruffo, de apenas 9 anos, que conquistou o segundo lugar e recebeu uma máquina fotográfica digital, sendo que para o primeiro classificado, Ricardo Hilário, o prémio foi um curso de iniciação de fotografia.

Assi, o primeiro prémio foi para a fotografia “Olhar sobre a idade”, de Ricardo Hilário, o segundo para “Minha Mãe Francesca”, da autoria de Marta Peruffo, o terceiro prémio para “Senhora de Havana-Cuba”, da autoria de Ana Catarina Dias, e as menções honrosas foram para Martina Stoltenborg e de Miguel Gomes.

Para Sara Sarowsky, “A Mulher da Minha Vida” prestou homenagem às mulheres que “moldam e inspiram” as vidas de todos, diariamente, reconhecendo e celebrando as mulheres em todas as esferas da vida.

DR/AA

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


19-06-2024 20:22
19-06-2024 19:52
19-06-2024 19:42
19-06-2024 19:30
19-06-2024 19:17