Portugal: Cabo Verde organiza conferência para promover o país como destino de negócios e atrair projectos associados ao turismo

29-02-2024 9:39

Lisboa, 29 Fev (Inforpress) – Cabo Verde promove hoje, em Lisboa, a “Conferência empresarial: Oportunidades de negócios e investimentos em Cabo Verde”, visando promover o país como destino de negócios e atrair projectos associados ao turismo.

A conferência é organizada no âmbito da participação de Cabo Verde como o destino internacional convidado na 34ª edição da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL) 2024, que decorre de 28 de Fevereiro a 03 de Março na Feira Internacional de Lisboa (FIL), Parque das Nações, em Lisboa.

“A conferência tem como objectivo fundamental estimular o desenvolvimento económico e o crescimento sustentável, com a promoção de Cabo Verde como um destino de negócios altamente favorável e atrair novos projectos privados no sector e na cadeia de valor associada ao turismo”, explicou o Governo.

O evento, que será também uma oportunidade para se apresentar a nova Marca Cabo Verde, terá dois painéis em discussão, sendo que o discurso de abertura será feito pelo primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva.

No painel “Oportunidades de investimento em Cabo Verde” vão ser apresentados temas como “Oportunidades de negócios em Cabo Verde” pelo presidente da Cabo Verde TradeInvest (CVTI), José Almada Dias, “Desenvolvimento do sector do turismo em Cabo Verde pelo Instituto do Turismo de Cabo Verde (ITCV), “Benefícios fiscais e aduaneiros ao investimento” pela directora nacional da Receita do Estado, Liza Vaz, e testemunhos dos operadores turísticos sobre investimento no sector.

No segundo painel sobre “Financiamento de negócios em Cabo Verde” serão abordados temas sobre “Oportunidades de investimento na Bolsa de Valores de Cabo Verde”, pelo presidente da BVC, Miguel Monteiro, “Fundo Soberano de Garantia do Investimento Privado (FSGIP)”, pelo presidente do FSGIP, Pedro Barros, e testemunhos de bancos sobre investimento no sector bancário na área do turismo.

O discurso de encerramento será feito pelo ministro do Turismo e Transportes, Carlos Santos.

A justificação da BTL, promovida pela Fundação AIP, para a escolha de Cabo Verde como país convidado, é a ligação cultural pela lusofonia, um dos elementos “distintivos” e que torna Cabo Verde “cada vez mais atractivo” para os portugueses, sem esquecer da língua comum, os laços históricos e culturais “estreitos que fazem com que os visitantes se sintam em casa, criando uma ligação única com o destino”.

“A participação do arquipélago neste evento reforçará os laços entre Portugal e Cabo Verde, proporcionando aos visitantes uma visão aprofundada dos recursos turísticos que este destino tem para oferecer. Além das praias referenciadas a nível internacional e dos diversos recursos naturais, há um país com alma e cultura para continuar a descobrir”, sublinhou a organização.

Dados recentes do Instituto Nacional de Estatística (INE) revelam que Portugal constitui o segundo maior mercado emissor de turistas para o arquipélago, representando 12,2 por cento (%) das entradas e 12,3% das dormidas no segundo trimestre de 2023.

DR/ZS

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


17-06-2024 8:38
17-06-2024 8:07
17-06-2024 7:47
16-06-2024 19:33
16-06-2024 16:12