Porto Novo/Planalto Norte: Criadores iniciam confinamento de gado no âmbito da conservação do parque natural Tope de Coroa

14-03-2024 15:41

Porto Novo, 14 Mar (Inforpress) – Os criadores no Planalto Norte, Porto Novo, Santo Antão, já têm em marcha o processo de confinamento do gado no âmbito do projecto de conservação das plantas endémicas do parque natural do Tope de Coroa.

A informação foi avançada à Inforpress pelo presidente da associação comunitária Luz Verde do Norte, Maduino Lima, que indicou que esta associação já dispõe de um curral comunitário que permitiu aos criadores de gado iniciar o processo de confinamento do gado no Planalto Norte.

Maduino Lima admitiu que o confinamento do gado no Planalto Norte tem sido um desafio para os criadores sempre habituados ao pastoreio livre nessa localidade onde se situa o parque natural do Tope de Coroa.  

O curral comunitário apenas tem capacidade para albergar 200 cabeças de animais numa zona onde estima-se que o efectivo pecuário rondará os oito mil cabeças de gado, na sua grande maioria espécie caprina.

O líder comunitário reconheceu que, além da construção de currais para albergar todo o gado, os criadores se debatem com um outro desafio, que é o transporte de água para os currais, razão pela qual espera-se o envolvimento do Ministério da Agricultura e Ambiente e da Câmara Municipal do Porto Novo.

Nos últimos dias, realizou-se um intercâmbio com um criador de gado da ilha do Fogo que compartilhou a sua experiência obtida, ao longo dos anos, com o confinamento das suas cabras no Parque Natural da ilha.

Técnicas de confinamento, saúde animal, conservação de pasto foram alguns dos assuntos abordados durante o intercâmbio.

Com o apoio do Fundo de Pequenas Iniciativas (PPI) e de outros parceiros, a Terrimar está a implementar o projecto de conservação das plantas endémicas no parque natural do Tope de Coroa, que dispõe de 61 por cento (%) de espécies endémicas de plantas típicas em Cabo Verde, muitos dos quais na lista de espécies em vias de extinção, devido ao pastoreio livre.

JM/CP

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


17-06-2024 11:35
17-06-2024 11:22
17-06-2024 11:11
17-06-2024 10:59
17-06-2024 10:42