Porto Novo: Agricultores voltam a alertar para os desafios da agricultura em Alto Mira

09-02-2024 13:31

Porto Novo, 09 Fev (Inforpress) – A Associação dos Agricultores em Alto Mira, um dos principais vales agrícolas do município do Porto Novo, em Santo Antão, voltaram hoje a alertar para “os principais desafios” que se colocam à agricultura nessa localidade.

O presidente da Associação dos Agricultores em Alto Mira, Idarlino Fortes, explicou à Inforpress que a actividade agrícola nesse vale está muito condicionada pela escassez de água e pela falta de acessibilidades, considerando estes os principais desafios que se colocam a este sector.

A falta de água é sentida, sobretudo, no terceiro povoado e na zona de Faial como consequência da redução do caudal das nascentes, avançou Idalino Fortes, segundo o qual a prospecção de água subterrânea será a via para atenuar este problema, que ameaça o futuro da agricultura nessas zonas.

Os agricultores sugerem concretamente a execução de um furo no terceiro povoado.

Um outro factor que condiciona a actividade agrícola em Alto Mira prende-se, no entender do líder dos agricultores, com a falta de estradas para as zonas de Faial e para o primeiro povoado (Dominguinhas).

Avisa que o isolamento destas localidades está a desanimar os agricultores locais. 

Em Dominguinhas, há disponibilidade de água para a irrigação, mas a falta de uma estrada tem desmotivado os agricultores, que não conseguem fazer o escoamento dos produtos, os quais, muitas vezes, se estragam antes de chegar ao mercado, explicou ainda este responsável.

Por esta razão, o presidente da associação dos agricultores destaca a mobilização de água e a construção de uma estrada de acesso a Faial e a Dominguinhas como principal preocupação desta classe em Alto Mira.

Os agricultores em Alto Mira sonham ainda com uma unidade de tratamento e transformação dos produtores agrícolas. 

JM/ZS

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


21-02-2024 21:53
21-02-2024 20:43
21-02-2024 20:35
21-02-2024 20:18
21-02-2024 19:53