Paróquia São José realiza gala para homenagear compositores religiosos e angariar fundos para construção de centro social (c/áudio)

27-02-2024 13:24

Cidade da Praia, 27 Fev (Inforpress) – A Paróquia São José realiza este sábado, 02, na Assembleia Nacional a terceira “Gala 2Mo 2Tom” em homenagem a dois compositores de músicas religiosas, com o objectivo também de angariar fundos para a construção de um centro social.

Em entrevista à Inforpress, a directora do evento, Zuleica Lopes, explicou que a gala se enquadra nas festividades da paróquia de São José, sita no bairro de Tira Chapéu, a ser celebrada este ano a 17 de Março na comunidade.

“Tem formato de um concerto musical tendo como base o nosso coro paroquial e o coro convidado de São João Baptista e será suportado por uma banda, sendo que o objectivo primeiro é homenagear dois compositores da nossa música religiosa, o Frei Andrade, e o senhor Mário Vaz”, esclareceu.

Com isso, assinalou a mesma fonte, pretendem contribuir para a valorização da música religiosa, uma vez que observou que estas normalmente são ouvidas somente através da igreja, pelo que, reforçou, a intenção é apresentar a sociedade estes compositores estando ao mesmo também a realçar estas canções.

“A gala tem um carácter solidário porque também por detrás dela temos um outro objectivo que é poder angariar fundos que contribuem para a construção de um centro social que vai dar resposta aos desafios da comunidade de Tira Chapéu e outros bairros pertencentes à paróquia, como Bela Vista, Alto da Glória e Terra Branca, onde existem muitos problemas sociais”, fundamentou.

“Então o nosso objectivo é construir um centro social de apoio às famílias da paróquia de São José, mas também de toda a sociedade no geral, voltado sobretudo a crianças, jovens e mães solteiras”, acrescentou, reconhecendo que só com a gala não vai ser possível avançar com este projecto, pelo que serão necessários outros apoios.

A III edição da “Gala 2Mo 2Tom” vai acontecer na Assembleia Nacional este sábado, 02 de Março, às 19:00 e os freepasses foram vendidos a um preço simbólico de 600 escudos adulto, e 200 escudos crianças, no primeiro lote, sendo que na porta vão custar 1000 escudos, mas conforme informou a directora do evento, neste momento estão praticamente esgotados.

“Tendo em conta que a paróquia situa-se numa zona vulnerável em termos de problemas sociais, então a igreja tem responsabilidade de mudar comportamentos e atitudes dos nossos jovens, de modo que resolvemos este ano dar-lhes a oportunidades, paralelamente à gala, de apresentarem os seus talentos, desta feita com exposição de pintura de quadros que retratam São José”, ressaltou.

Depois da exposição, avançou Zuleica Lopes, será feito um leilão e sorteios dos quadros cujo montante também irá reverter a favor da construção do referido centro social.

“A expectativa é alta, é positiva e esperamos que a sociedade responda positivamente a este nosso apoio de conhecerem os nossos homenageados, as músicas religiosas, mas também de associar a esta causa nobre que é a promoção de jovens, crianças e mães, através do centro social de acolhimento”, disse.

Segundo a directora do evento, o projecto de construção do centro social tem um custo orçamental de 15 a 17 mil contos, pelo que a sua construção dependerá de financiamentos conseguidos, quer de padrinhos, Governo, instituições e a própria sociedade em geral.

ET/ZS

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


21-06-2024 22:18
21-06-2024 20:26
21-06-2024 20:23
21-06-2024 20:12
21-06-2024 19:35