Oferta pública de venda da participação do Estado no capital social da Caixa com mais de 400 ordens dadas – BVC

15-02-2024 17:47

Cidade da Praia, 15 Fev (Inforpress) - A oferta pública na Bolsa de Valores para a venda dos 27,44% das acções do Estado no capital da Caixa Económica de Cabo Verde (Caixa), aberta desde 11 de Janeiro, já conta com mais de 400 ordens dadas.

A informação foi revelada à Inforpress pelo presidente da Bolsa de Valores de Cabo Verde (BVC), Miguel Monteiro, a propósito do webinar sobre "Como investir na Bolsa através da Plataforma Blu-X", realizado hoje pela bolsa.

“São mais de 400 e tal entidades entre pessoas individuais e empresas que estão a pretender ser accionistas da Caixa Económica, o que é muito bom, e demonstra que há muito interesse da população cabo-verdiana em geral incluindo, naturalmente a diáspora”, disse Miguel Monteiro.

O presidente da BVC adiantou que o webinar sobre "Como investir na Bolsa através da Plataforma Blu-X", realizado através da plataforma Zoom, e que contou a presença de cerca de 120 participantes, visou precisamente responder aos pedidos de esclarecimentos de muitas pessoas, sobretudo residentes fora de Cabo Verde, sobre como investir nas acções do Caixa a partir da plataforma Blu-X.

Miguel Monteiro explicou que um dos critérios para aceder à plataforma Blue X é primeiro ter uma conta bancária num dos bancos operadores e pedir junto desse banco a criação de uma conta de títulos, como acontece, por exemplo, com a criação de uma conta a prazo.

Tendo a conta de títulos criada, o utente já pode solicitar a sua inscrição da plataforma Blu-X, fazer o seu investimento e saber qual é que é a sua carteira de títulos.

Conforme indicou, no webinar de hoje foram esclarecidos vários aspectos, desde como abrir uma conta na plataforma Blu- X, como aceder aos vários menus, o que é que cada menu permite fazer e a questão do perfil de observador e perfil de investidor.

“Na prática, é ajudar nesse processo, que vai até ao dia 23 de Fevereiro, de venda e alienação do capital social do Estado na Caixa Económica porque a plataforma Blu-X é um canal que quem tem não precisa dirigir-se ao seu banco. Pode seguir através da plataforma Blu-X os seus investimentos”, sustentou.

A oferta pública de venda, na Bolsa de Valores, para alienar os 27,44 % da participação do Estado de Cabo Verde no capital social da Caixa foi lançada no dia 10 de Janeiro e iniciou no dia 11 de Janeiro, devendo terminar às 15:00 do dia 23 de Fevereiro de 2024.

O preço de venda das acções é de 4.080$00/acção que poderão ser subscritas através da plataforma Blu-X ou dos bancos intermediários, designadamente o BAI, o BCA, o BCN, o BI, a Caixa e o IIB.

Os 27,44% do capital social da Caixa tinham sido comprados pelo Estado de Cabo Verde da Sociedade Macaense Geocapital, em 2019, com o objectivo de garantir a estabilidade desta banca.

MJB/CP

Inforpress/fim

Notícias Recentes


20-06-2024 14:52
20-06-2024 14:45
20-06-2024 14:42
20-06-2024 14:40
20-06-2024 14:33