Novo comandante da 1ª Região Militar hoje empossado propõe elevar o nível operacional do comando

01-03-2024 19:27

Cidade da Praia, 01 Mar (Inforpress) - O novo comandante da 1ª Região Militar das Forças Armadas de Cabo Verde, major Adilson Fortes, hoje empossado, prometeu dar tudo de si para elevar o nível operacional e administrativo do comando, sediado na ilha de São Vicente.

Durante o seu discurso de posse, cuja cerimónia foi realizada na cidade da Praia, Adilson Fortes disse que encara com humildade e responsabilidade as funções e que se sente motivado para dar continuidade ao percurso feito até aqui por todos aqueles que nesse comando prestaram serviço.

“Farei de tudo para honrar a confiança que em mim depositou e devo assegurar-lhe que pode contar com todo o meu empenho, zelo, obediência e lealdade e manifestar-lhe a minha total disponibilidade para tudo fazer com vista elevar o nível operacional e administrativo do comando da 1ª Região Militar no âmbito do cumprimento das suas atribuições”, disse perante o Chefe do Estado-Maior das Forças Armadas (CEMFA), contra-almirante António Duarte Monteiro.

Acrescentou ainda que no exercício das suas funções de comandante irá merecer destaque as condições e o ambiente de trabalho, que, afirma, deve ser de sã convivência e imbuído de espírito de camaradagem e entreajuda.

“Junto continuaremos a fazer da 1ª Região Militar uma unidade de excelência, disciplinada, organizada e pronta para continuar a caminhada até aqui percorrida coroada de êxitos”, disse realçando o seu propósito de apostar na dinamização e reforço da cultura e valores militares da moral e bem-estar bem como na melhoria das condições habitabilidade e de trabalho.

Ao usar da palavra, o CEMFA, que presidiu a cerimónia, explicou que as mudanças e movimentações nas estruturas das Forças Armadas, advêm da evolução da própria instituição e da necessidade de se ajustar aos desafios actuais.

Por outro lado, adiantou que a escolha recaída sobre o major Adilson Fortes mereceu uma “minuciosa apreciação e uma unanimidade de apreciação positiva” por parte de todos os membros do Conselho Superior de Comandos, que afirmou, nele reconhecem as qualidades e capacidades técnico-profissionais, militares e humanas, para assumir estas tão nobres funções.

“Ao longo do percurso militar, o major Fortes demonstrou ser um militar responsável, disponível, competente, muito dedicado ao serviço e cumpridor das suas obrigações, tendo granjeado respeito e admiração, tanto por parte dos seus superiores hierárquicos, como de militares de patente igual e inferior”, justificou António Duarte Monteiro, fazendo alusão às várias funções de “relevância” desempenhadas pelo empossado.  

A 1ª Região Militar tem sob a sua responsabilidade a Unidade Manuel Monteiro e o Centro de Instrução militar Morro Branco, que neste momento prepara-se para receber a primeira leva dos recrutas de 2024.

António Duarte Monteiro pediu uma atenção especial e cuidadosa para as actividades redobradas por parte tanto dos instrutores, monitores e auxiliares de instrução, que ministram e acompanham a todo o momento a instrução militar e demais actividades programadas para a formação dos recrutas.

“O papel do Centro de Instrução Militar Morro Branco é inquestionável, no concernente à formação e capacitação cívica, militar e patriótica de mulheres e homens cabo-verdianos, para a satisfação do quantitativo em recursos humanos, que as Forças Armadas necessitam para o cumprimento de missões constitucionalmente atribuídas”, realçou.

O major Adilson Fortes substitui no cargo o capitão-de-navio Alberto Tavares Teixeira, que nos últimos cinco anos desempenhou as funções de comandante da 1ª Região Militar.

MJB/CP

Inforpress/fim 

Notícias Recentes


17-06-2024 8:07
17-06-2024 7:47
16-06-2024 19:33
16-06-2024 16:12
16-06-2024 16:03