Jovem artista Zubikilla Spencer realiza sonho de actuar no AME e apresenta EP 0304 com nova roupagem  

03-04-2024 13:45

Cidade da Praia, 03 Abr (Inforpress) - A jovem artista cabo-verdiana Zubikilla Spencer, que actua hoje no Palácio da Cultura, descreveu a sua participação como “concretizar de um sonho”, adiantando que vai trazer uma “nova roupagem” do EP 0304, lançado em Julho de 2023.

Filha do conceituado compositor e músico Nhelas Spencer, a jovem avançou que a sua actuação carrega um “mix” de estilos como rock, hip-hop, acústico e zouk love, trazendo assim uma “nova roupagem” ao projecto musical e ao single “This is me” lançado em 2021.

“A expectativa é mesmo não falando a língua crioula é que as pessoas entendam a música, o sentido que carrega na forma de expressão, tanto dos instrumentos musicais, tanto pela voz, passa a sentir a música” realçou, revelando que desde o início do evento que imagina estar no palco do AME.

“Vou tocar duas músicas no violão, certamente a inspiração veio do meu pai, o que encontrei em casa, mas o meu estilo é um pouco mais contemporâneo”, completou a artista.

Muito embora a boa aceitação do público do único EP lançado pela artista até agora, Zubikilla Spencer disse que momentos como estes possibilitam expor os trabalhos visto hoje em dia tudo ser feito na base da promoção.

O trabalho vai estar a partir de hoje disponível na plataforma Youtube, anunciando que pretende lançar ainda o projecto “Killa canta Nhelas” enquanto prepara a saída do primeiro álbum.

A artista participa também no Kriolatino Cuba no sábado, 06, e no  Kriol Jazz Festival 2024, que este ano homenageia o compositor Ney Fernandes.

“Vou participar no Kriol Jazz em dois momentos, estou nos ensaios e os participantes da banda vivem a maioria no Sal e chegaram apenas no dia 01, foi um atrás do outro e não tive tempo ainda de falar com as pessoas” especificou.

Zubikilla Spencer ressaltou que graças a organização vai poder partilhar o palco com outros músicos internacionais, apresentando o tema do pai “Sodade tem pena de mim” e duas músicas do EP, representando a arte musical de Cabo Verde

Orçado em cerca de 20 mil contos e sob o lema “Sustentabilidade artística”, 26 artistas nacionais e internacionais compõem o cartaz da 10ª edição do Atlantic Music Expo.

Katia Semedo, Quarteto Ano Nobo +1, Zubukilla Spencer, Manu Reys, Ste Mandela, Primitive e Dj Axel da Praia, Gabriela Mendes, Elly Paris, Sizal de São Vicente, Gerson Spencer e Berlock a residir em Portugal, George Tavares do Maio e Dj Sarumawashi de Santo Antão são os artistas nacionais que actuam no AME 2024.

Nove nacionalidade compõem o rol de artistas internacionais, como Giuliano Gabriele da Itália, Ana Setton, Camila Reis e Dend do Brasil, o grupo Browm Rice Family do Japão e Estados Unidos, Luis Caracol e Dj Danykas de Portugal, Klaudio Hoshai de Angola, Jocelyn Balou do Congo, Le-Panda da Quebec Canadá e Insolito Universo da Venezuela.

LT/AA

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


19-04-2024 23:26
19-04-2024 22:50
19-04-2024 22:41
19-04-2024 22:36
19-04-2024 21:23