Instituto do Património Cultural vai reabilitar oito faróis históricos em Cabo Verde

01-04-2024 20:45

Mindelo, 01 Abr (Inforpress) – O Instituto do Património Cultural, em colaboração com o Instituto Marítimo e Portuário, vai reabilitar oito faróis históricos em Cabo Verde com financiamento da Cooperação Espanhola, através da Agência Espanhola de Cooperação e Desenvolvimento (Aecid).

Esta informação foi avançada numa nota do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, a que a Inforpress teve acesso, que explicou que o projecto “Faróis de Cabo Verde” visa promover a reabilitação e potencialização de faróis históricos, conservando a sua integridade enquanto elemento patrimonial e de segurança marítima e promover a sua integração no roteiro turístico e cultural nacional, através da criação de espaços de interpretação, melhoria do acesso e sinalização e a agregação de novos serviços a nível de espaços de lazer e contemplação.

“O projecto beneficia oito faróis históricos nacionais – Dona Maria Pia na Praia, em Santiago, Farol de Ponta Preta, no Tarrafal de Santiago, Fontes Pereira de Melo (Farol do boi), em Santo Antão, Farol Don Luis I, em São Vicente, Farol Dona Amélia, em São Vicente, Farol Morro Negro na ilha da Boa Vista, Farol São José, na Ilha do Maio, Farol do Leste em São Domingos”, destacou.

Conforme o Ministério da Cultura, os faróis seleccionados representam marcos históricos importantes que testemunharam séculos de navegação e actividade marítima e o objectivo principal do projecto é preservar a rica história marítima do país, promovendo a diversificação dos pontos de interesse turístico.

CD/HF

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


19-04-2024 23:26
19-04-2024 22:50
19-04-2024 22:41
19-04-2024 22:36
19-04-2024 21:23