III edição do Prémio Garantia Comunidade premeia “Colmeia”, Residência São Francisco Xavier e Liga Nazarena

31-01-2024 0:14

Cidade da Praia, 30 Jan (Inforpress) – As associações Colmeia, Lar e Residência Sénior São Francisco Xavier e Liga Nazarena de Solidariedade foram laureadas hoje como vencedoras da III edição do Prémio Garantia Comunidade, cujo prémio total atinge os quatro mil contos.

Para além destas associações sediadas na Cidade da Praia, o montante, segundo o presidente da Garantia – Companhia de Seguros de Cabo Verde SA, é repartido por mais duas associações concorrentes, vencedores residentes em São Vicente que já tinham sido contempladas com os respectivos troféus e remunerações em Mindelo.

Na cerimónia desta manhã, a Associação Colmeia foi contemplada com 950 mil escudos, o Lar e Residência Sénior São Francisco Xavier com 850 e a Liga Nazarena de Solidariedade com 800 mil escudos

O concurso, avançou Luís Leite, contou com a participação de 12 candidaturas das ilhas de Santiago, de São Vicente e de Santo Antão, que foram sujeitas à análise de um júri independente, de conformidade com os critérios de elegibilidade e de avaliação constantes do regulamento previamente divulgado.

Em três edições do Prémio, explicitou, a seguradora “já deu o seu contributo à sociedade disponibilizando um valor de 10.500 contos” tendo sido premiadas um total de 11 associações desde a sua criação, “uma forma encontrada pela Garantia para retribuir à sociedade aquilo que recebe através dos clientes” para contribuir para o desenvolvimento do País e do sector social.

O “Prémio Garantia Comunidade”, no valor de quatro milhões de escudos enquadra-se no programa de responsabilidade social e na estratégia de sustentabilidade da companhia, visando promover o desenvolvimento do sector social, através do apoio a organizações que actuam na área de inclusão social de pessoas com deficiência e em prevenção em saúde.

Em representação das premiadas, a presidente da Colmeia, Isabel Moniz, enalteceu a importância do Prémio Garantia Comunidade para com as associações que “trabalham para dar respostas à sociedade civil e ao mesmo tempo para a sustentabilidade e na continuidade das respostas na área da intervenção social e na prevenção para a saúde”.

A cerimónia foi testemunhada pela secretária de Estado da Inclusão Social, Lídia Lima, que fez questão de destacar o papel desta seguradora em promover o desenvolvimento do sector social e das associações que se preocupam com estas áreas sociais, sublinhando que se trata de “uma grande iniciativa que motiva as associações de cariz sociais de Cabo Verde a continuarem os seus trabalhos.

Referiu que acções de responsabilidades sociais assumidas pelas empresas contribuem para complementar a intervenção do Estado/Governo em matérias de apoios a projectos sociais implementados pelas associações, sustentando que de 2016 a 2023 o executivo aumentou de 16 para 42 mil contos o financiamento para as associações.

SR/HF

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


17-06-2024 8:38
17-06-2024 8:07
17-06-2024 7:47
16-06-2024 19:33
16-06-2024 16:12