Futebol/Santo Antão Sul: Clubes reafirmam decisão de não participar nas competições em 2024/2025

27-02-2024 15:12

Porto Novo, 27 Fev (Inforpress) – Os clubes de futebol em Santo Antão Sul mantém firme a sua decisão de não participar nas competições na época futebolística 2024-2025, caso o relvado do Estádio Municipal do Porto Novo não for substituído.

Os dirigentes dos clubes entendem que a Associação Regional de Futebol em Santo Antão e as equipas filiadas devem manter-se “unidSs” e não programar para a próxima época nenhuma competição “até que câmara municipal e Governo resolvam problema do relvado”.

No arranque da época, os clubes e a associação, em conferência de imprensa, informaram que, caso o relvado do Estádio Municipal não for substituído não vão programar nenhuma prova em 2024-2025 nesta região desportiva.

Para o dirigente dos Sanjoanenses Nilton Évora é preciso pensar na questão das infra-estruturas desportivas antes de prosseguir com as competições, considerando que o Estádio Municipal do Porto Novo “não está em condições de” receber provas dado o estado avançado de degradação do relvado.

“Na minha opinião, o presidente da associação e os dirigentes dos clubes deviam pensar em conjunto e não programar nenhuma competição em 2024-2025 nesta região até que câmara municipal e Governo resolvam problema de relva e do estádio em si”, sugeriu.

A Associação Regional de Futebol de Santo Antão Sul e os clubes têm estado a defender, além da substituição do relvado do estádio, a requalificação e arrelvamento de dois campos no interior da região, mais precisamente na Ribeira das Patas e no Tarrafal de Monte Trigo.

A Câmara Municipal do Porto Novo informou que está a envidar esforços junto do Governo com vista à substituição do relvado do Estádio Municipal do Porto Novo “ainda este ano”, já que considera essa intervenção “uma das prioridades” para 2024.

O relvado sintético do Estádio Municipal do Porto Novo, já com 14 anos de utilização, precisa ser substituído dado o seu “estado acentuado de degradação”, admitiu a própria autarquia, que diz precisar de 25 mil contos para substituir o sintético e outras intervenções na infra-estrutura desportiva.

No seu plano de investimentos para este ano, a Câmara Municipal do Porto Novo tem previsto o arrelvamento do campo de futebol de Círio, na Ribeira das Patas.

Porém, os clubes querem que a autarquia invista no campo de futebol de Coice de Chã, nesta mesma localidade, que, ao contrário do campo de Círio, tem as dimensões para receber provas oficiais.

JM/AA

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


21-06-2024 22:18
21-06-2024 20:26
21-06-2024 20:23
21-06-2024 20:12
21-06-2024 19:35