Fogo: Gabinete de Inclusão e Desenvolvimento Humano apenas faz agendamento dos exames de TAC – vereadora

27-02-2024 9:06

São Filipe, 27 Fev (Inforpress) – O Gabinete de Inclusão e Desenvolvimento Humano da câmara de São Filipe esclareceu que apenas faz o agendamento dos exames de Tomografia Axial Computorizada (TAC) e o envio dos pacientes para o Hospital Universitário Dr. Agostinho Neto.

Com a entrada em funcionamento em Janeiro de 2023 da Clinifogo Diagnóstico, a primeira clínica para realização de TAC na cidade de São Filipe, muitos pacientes não entendem a razão porque são encaminhados para a cidade da Praia para realização de exames, com “custos adicionais e perda de tempo”.

A vereadora de Acção Social, Saúde e Habitação, Vanilda Correia, confrontada com as reclamações de alguns pacientes, disse que existe um protocolo com o Ministério da Saúde e que a realização da TAC deve ser feita no Hospital Universitário Dr. Agostinho Neto, na cidade da Praia, e que a câmara apenas faz agendamento e o envio do paciente em função da marcação.

A vereadora avançou que desde a entrada em funcionamento da clínica que oferece este tipo de serviço comunicou ao Ministério da Saúde para a realização a nível local deste tipo de exame de diagnóstico.

Isto no sentido de reduzir os custos com a deslocação e estadia do paciente na cidade da Praia, até hoje “não houve nenhum posicionamento” do Ministério da Saúde, observando que só com o transporte aéreo gasta-se 20 mil escudos com a deslocação à cidade da Praia.

Segundo a mesma, a realização dos exames TAC é feita no estabelecimento hospitalar e não em clínicas privadas e que só se recorre às estruturas privadas quando não for possível o público disponibilizar este tipo de serviço.

Afirmou que o Gabinete de Inclusão e Desenvolvimento Humano da câmara de São Filipe faz o agendamento e paga as passagens e o Ministério da Saúde faz o reembolso do montante.

Caso for autorizada a realização deste serviço a nível da ilha, salienta a vereadora, não haverá problema de agendamento e marcação e representará redução de custos para as estruturas de saúde.

A directora do Hospital Regional São Francisco de Assis, Liziana Barros, por seu lado, disse que este estabelecimento hospitalar não tem protocolo com a clínica privada e que os pacientes que não dispõem de condições para pagar o exame são enviados para a cidade da Praia para realização do exame no Hospital Universitário Dr. Agostinho Neto.

Os pacientes que dispõem de condições ou que tem a cobertura do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS) fazem os exames localmente porque o custo do exame de TAC na clínica privada existente na ilha é inferior ao custo de transporte aéreo entre São Filipe/Praia/São Filipe, além de outras despesas, referiu a directora do hospital, para quem seria bom que houvesse um protocolo com a clínica para minimizar os custos.

A Clinifogo Diagnóstico dispõe de alvará e está devidamente certificada para realizar exames de diagnóstico de tomografia computadorizada para ajudar o pessoal médico a tomar as melhores decisões nas análises dos pacientes.

JR/AA

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


20-06-2024 8:09
20-06-2024 8:02
20-06-2024 7:55
19-06-2024 22:59
19-06-2024 22:48