Fogo: Directora-geral da Habitação vai negociar ligação da energia às 24 moradias de Cobom - ministra

28-02-2024 15:56

São Filipe, 28 Fev (Inforpress) - A directora-geral da Habitação chega quinta-feira à ilha do Fogo para negociar com a Electra a questão da ligação de energia às 24 moradias do complexo Casa para Todos do bairro de Cobom, foi hoje anunciado.

A informação foi avançada pela ministra das Infraestruturas, Ordenamento do Território e Habitação, Eunice Silva, salientando que neste momento existe um problema com as moradias porque o sítio onde foram construídas não dispõe de um posto de transformação (PT) e a questão não foi acautelada na altura.

Eunice Silva avançou que o seu ministério lançou um concurso público para a selecção das famílias beneficiárias dentro do quadro que foi estipulado para as 24 moradias, mas que de momento não se pode avançar devido a esta situação.

A governante, que analisou hoje a questão da habitação com o edil de São Filipe, Nuías Silva, disse que o seu ministério vai introduzir nos três municípios da ilha do Fogo mais a ilha Brava novas construções de habitações sociais com tipologias mais viradas para a cultura e a tradição cabo-verdiana.

A este propósito, informou que já se estabeleceu um acordo em que as câmaras, através dos gabinetes técnicos, vão trabalhar com a Imobiliária, Fundiária e Habitat (IFH) no sentido de brevemente arrancar com as construções.

O novo pacote contempla 12 habitações em cada um dos municípios com uma parcela de cerca de mil metros quadrados e que, “se tudo correr bem”, o ministério vai avançar com a continuidade das construções.

Questionada se o ministério irá retomar a construção do complexo de Xaguate Alto, Eunice Silva avançou que “é muito complicado” porque, explicou, o complexo foi edificado numa zona que não tem acesso (estrada, água e energia), razão pela qual não se avançou muito, mas também devido ao conflito judicial.

Já o presidente da câmara de São Filipe disse que abordou com a ministra a questão de novos projectos de desenvolvimento para a ilha do Fogo e o município de São Filipe em termos de habitação social e outras áreas que Eunice Silva tutela e há a boa vontade das partes para continuarem a encontrar soluções estratégicas e sofisticadas para o município.

“Estamos aqui para mobilizar as parcerias e o governo é o principal parceiro para o desenvolvimento”, disse Nuías Silva, sublinhando que para a construção das 12 habitações São Filipe vai participar neste projecto com o mesmo engajamento de sempre.

JR/CP

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


20-06-2024 15:17
20-06-2024 14:52
20-06-2024 14:45
20-06-2024 14:42
20-06-2024 14:40