Cinco cabo-verdianos participam em mostras de artistas em Angola

26-02-2024 11:32

Cidade da Praia, 26 Fev (Inforpress) - Cinco artistas cabo-verdianos Mano Preto, Rosy Timas, Elisabete Fernandes, Djamilson Barreto e Djam Neguin foram seleccionados no âmbito do "Concurso para participação em Mostra de Artistas - PROCULTURA", que acontece de 03 a 06 de Junho, em Angola.

Informações avançadas hoje à Inforpress por Mano Preto dando conta que cada artista foi seleccionado com peças a solo, no âmbito do "Concurso para participação na Mostra de Artistas - PROCULTURA", em Angola.

O PROCULTURA, em parceria com a Fundação Calouste Gulbenkian, promoveu, entre 2019 e 2022, quatro edições do concurso de apoio à Mobilidade de Artistas dos PALOP e Timor-Leste.

O presente concurso destina-se aos artistas seleccionados, no âmbito do referido concurso, para apresentação de criações artísticas a serem apresentadas numa mostra de artistas, a decorrer na cidade de Luanda, em Angola, em Junho de 2024.

As criações a propor deverão ter como principal objectivo reflectir os ganhos obtidos pelos participantes nas residências artísticas realizadas no âmbito do apoio do PROCULTURA, em termos de crescimento e sedimentação do pensamento e do criativo, nas áreas em causa, sejam elas o teatro, dança ou a música.

Conforme precisou aquele responsável, ele participa com a peça “Nha Fado meu destino”, Rosy Timas com a peça “Sacrilidade”, Djam Neguin “Naná”, Elisabete Fernandes “Memórias”, Djamilson e Barreto “Isolamento”.

Visando apoiar à mobilidade de artistas PALOP e Timor Leste, a mostra que terá lugar no próximo mês de Junho, em Luanda, é financiada pela União Europeia, cofinanciada e gerida pelo Camões, I.P e cofinanciada pela Fundação Calouste Gulbenkian.

TC/ZS

Infopress/Fim

Notícias Recentes


17-06-2024 8:38
17-06-2024 8:07
17-06-2024 7:47
16-06-2024 19:33
16-06-2024 16:12