CAN’2023: Cabo Verde - África do Sul: factos e números

03-02-2024 11:24

Cidade da Praia, 03 Fev (Inforpress) - A Inforpress publica algumas estatísticas e informações sobre o jogo dos quartos-de-final do CAN’2023 entre Cabo Verde e África do Sul, marcado para as 19:00, no Estádio Charles Konan Banny, em Yamoussoukro, na Costa do Marfim.

- Cabo Verde e África do Sul vão defrontar-se pela segunda vez na Taça das Nações Africanas, depois de um empate 0-0 na fase de grupos em 2013. O encontro anterior foi o primeiro jogo de Cabo Verde na competição e o primeiro jogo da edição de 2013 – organizada pela África do Sul.  

- A África do Sul alcançou as quartas-de-final em três das últimas quatro participações na Copa das Nações Africanas e busca chegar às semifinais da competição pela primeira vez desde 2000 (perdeu por 2 a 0 contra Nigéria). 

- Cabo Verde venceu três dos seus quatro jogos na no CAN’2023 ( um empate), marcando oito golos, mais vitórias e mais golos do que nos 11 jogos anteriores na competição anteriores. 

- Cabo Verde pretende chegar às meias-finais pela segunda participação nos quartos-de-final. A primeira desde a derrota por 2-0 para o Gana em 2013, quando a prova era disputada por 16 selecções.

A África do Sul manteve três jogos consecutivos sem sofrer golos pela primeira vez desde Fevereiro de 1998; os Bafana Bafana nunca impediram seus adversários de marcar em quatro partidas consecutivas no CAN.

- África do Sul fez apenas duas alterações no seu onze inicial, o menor número de todas as selecções, enquanto Cabo Verde fez 14 – apenas a Guiné-Conacri (17) fez mais na competição. 

- Com 29 anos e 64 dias, Cabo Verde tem a média mais elevada de onze titulares na prova; na verdade, cinco dos oito golos da equipa foram marcados por jogadores com 30 anos ou mais - a última equipa com mais golos numa única edição de jogadores com mais de 30 anos foram o Egipto em 1998 (7).

- Cabo Verde foi a que mais tentou dribles na prova (95, 44 com sucesso). Os Tubarões Azuis tentaram 34 dribles nas oitavas-de- final contra a Mauritânia (13 com sucesso); o maior em uma partida.

- Themba Zwane esteve diretamente envolvido em 50% (3/6) dos golos da África do Sul na CAN’2023 (dois golos, uma assistência) e pode tornar o primeiro jogador dos Bafana Bafana a marcar três golos em uma única edição do CAN, desde Shaun Bartlett em 2000, que marcou cinco golos.

- Ryan Mendes esteve directamente envolvido em mais golos (dois golos e duas assistências). Também é o jogador dos Tubarões Azuis que fez mais golo numa edição.

OM/CP

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


14-06-2024 0:17
14-06-2024 1:25
13-06-2024 22:05
13-06-2024 19:49
13-06-2024 19:04