Governo e USADF assinam memorando de apoio às empresas

20-06-2024 13:57

Cidade da Praia, 20 Jun (Inforpress) – O Governo e a Fundação para o Desenvolvimento Africano, dos Estados Unidos, (USADF) assinaram hoje um memorando que compromete atribuir 10 milhões de dólares em apoio a pequenas e médias empresas, agricultores e pescadores durante cinco anos.

A assinatura do documento ocorreu no Ministério das Finanças, na cidade da Praia, pelo presidente da fundação Travis Adkins e pelo ministro das Finanças e do Fomento Empresarial, Olavo Correia, na presença de representantes da USADF e da Embaixada dos Estados Unidos, em Cabo Verde.

O memorando estipula que Cabo Verde fará uma contribuição igual e conjunta com a USADF no valor de um milhão anual ao longo de cinco anos, totalizando os 10 milhões que serão convertidos em subsídios e assistência técnica para apoiar as pequenas e médias empresas por meio de várias iniciativas.

Essas iniciativas incluem o desenvolvimento de cadeias de valor na agricultura e pesca, apoio a cooperativas de agricultores e pescadores, treinamento, capacitação em energia renovável e aumento da competitividade em diversos mercados.

O presidente da USADF, Travis Adkins, disse que garantir o bem-estar da população motivou a assinatura do protocolo, sobretudo para alavancar as oportunidades no quesito social e económico focado nas mulheres e na juventude.

“O que nos falta é o acesso ao financiamento e às oportunidades, e o que nós queremos é criar uma parceria que possa juntar estes momentos. A parte central desta parceria é como fazer grandes investimentos em empreendedorismo para pequenas e grandes empresas focado nas mulheres e jovens” disse, recordando que desde 1993, o programa tem auxiliado várias empresas cabo-verdianas.

Por sua vez, o ministro das Finanças, Olavo Correia, realçou que a valorização da liberdade, democracia, o Estado de direito e a promoção da dignidade da pessoa humana têm sido os valores que unem os dois continentes, destacando a aprovação e a implementação do compacto regional Millennium Challenge Account – MCC.

“E nós partilhamos esses valores não apenas de longe, mas partilhamos esses valores em conjunto, tendo em conta uma forte presença da comunidade cabo-verdiana nos Estados Unidos da América.  Isto também representa um sinal de unidade permanente e de necessidade de uma parceria cada vez mais acrescida entre os nossos dois países” defendeu.

Conforme lembrou o governante, a África detém a maior fonte de energia renováveis do mundo, sublinhando que até 2050 dados apontam que 25% da população mundial será africana.

“Esta é a maior força. Os jovens que o continente africano dispõe e vai dispor cada vez mais.  Mas têm de ser jovens preparados com educação e com formação para poderem aproveitar as oportunidades à escala da África e à escala do mundo”, defendeu.

Desde 1993 o programa da USADF em Cabo Verde apoia várias empresas em sectores diversos, incluindo agricultura, carpintaria, metalurgia, financiamento de microcrédito e transporte. De 1996 até ao encerramento do programa em 2015, a USADF disponibilizou financiamento e assistência técnica totalizando 5,7 milhões de dólares para 45 empresas e empreendedores cabo-verdianos.

A USADF é uma agência independente, do Governo dos Estados Unidos, criada pelo Congresso para investir directamente em empresas de base e empreendedores sociais africanos. Os investimentos da USADF aumentam a renda, receitas e empregos por meio de subsídios e soluções baseadas no mercado para a pobreza.

LT/HF

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


15-07-2024 14:38
15-07-2024 14:09
15-07-2024 14:01
15-07-2024 13:41
15-07-2024 13:25