STIF assina protocolo com Hospital Dalal Djamm de Dakar para prestação de cuidados de saúde aos associados em condições preferenciais

09-03-2024 14:38

Cidade da Praia, 09 Mar. (Inforpress) - O sindicato dos Trabalhadores das Instituições Financeiras (STIF) assinou hoje um protocolo com o Hospital Dalal Djamm de Dakar para prestação de cuidados de saúde aos associados e respectivos familiares em condições preferenciais.

O documento foi assinado na cidade da Praia entre o presidente do STIF, Manuel Varela, e Philippe Moreira, membro do conselho directivo do hospital Dalal Djamm, médico e professor universitário, senegalo-cabo-verdiano.

O protocolo prevê atendimento prioritário aos sócios do sindicato de forma a reduzir o período de estadia em Dakar e consequente redução dos custos com estadia e deslocações e a atribuição de um desconto de 30% sobre o valor da tabela geral aplicada pelo Hospital nas consultas e nos exames.

Prevê ainda a utilização da Telemedicina e deslocações periódicas (trimestral ou semestral) de equipas médicas a Cabo Verde para realização de consultas de especialidades.

Segundo o presidente do STIF, Manuel Varela, este protocolo com este Hospital do Senegal é mais uma opção alternativa que o STIF coloca à disposição dos seus associados e respectivos familiares.

"Senegal fica perto de Cabo Verde, tem baixo custo de passagem e os associados não precisam de visto", sustentou, salientando que a Direcção do STIF entende que um ambiente laboral saudável passa necessariamente por ter trabalhadores e seus familiares saudáveis.

"Por isso é que dá uma atenção especial a esta vertente, sem descurar da missão primeira que é defender os direitos laborais dos trabalhadores", acrescentou Manuel Varela.

Por seu lado, o médico e professor universitário Philipe Moreira  expressou a sua satisfação com esse protocolo para prestação de cuidados de saúde aos cabo-verdianos.

Conforme adiantou, o hospital Dalal Djamm é um hospital de nível três, que é o nível mais elevado de Senegal e que começou as suas actividades em 2016.

"É um hospital que tem uma convenção universitária e temos cerca de uma trintena de serviços e de unidades entre as quais temos serviços de ponta como oncologia cirúrgica, urologia de ponta", apontou, adiantando que está previsto dentro de um ano o hospital iniciar com implante de rins e ter unidade para tratamento do cancro de sangue.

O protocolo ora assinado com o STIF abrange para além dos trabalhadores os familiares entre os quais o cônjuge, filhos menores, filhos maiores, até aos 25 anos de idade, desde que se encontrem a estudar e pais que estejam na dependência financeira do associado.

Manuel Varela lembra que o STIF tem protocolos de parcerias com várias clínicas a nível nacional e parcerias com vários sindicatos amigos de Portugal, em que os associados e seus familiares beneficiam de cuidados preferenciais de saúde nos seus serviços dos SAMS (Serviços de Assistência Medico e Social).

MJB/ZS

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


15-06-2024 22:18
15-06-2024 22:13
15-06-2024 21:40
15-06-2024 22:01
15-06-2024 21:52