Carnaval/São Nicolau: Grupos Estrela Azul e Copacabana prometem um bom espectáculo durante os três dias do desfile oficial

Imagens de arquivo
10-02-2024 14:02

Ribeira Brava, 10 Fev (Inforpress) – Os grupos carnavalescos Estrela Azul e Copacabana, que participam do desfile oficial do carnaval da Ribeira Brava, prometem dar um “bom espectáculo” durante os três dias, 10, 11 e 13, de desfile oficial.

O grupo Estrela Azul vai levar ao terreiro da Ribeira Brava o enredo “60 páginas em 3 dias” para assinalar as bodas de diamante do grupo fundado em 1964 fruto da fusão dos grupos Sanjonistas e Laderistas.

Alírio Brito, presidente do grupo, avançou estar “quase tudo a postos” para o desfile de hoje à noite realçando que a previsão do grupo é estar nas ruas às 23:00.

O grupo vai se apresentar com cerca de 500 figurantes divididos em nove alas, cujos trajes estão sob a responsabilidade do atelier de Artemisa (Niza) Nascimento, que garantiu que, apesar de alguma falta de mão de obra qualificada, os trabalhos correram da melhor forma, visto que foi feito um trabalho com antecedência.

No ateliê de confecção dos carros alegóricos, os dois andores que o grupo irá apresentar já estão praticamente finalizados, “faltando apenas alguns pequenos retoques”, conforme o responsável.

O grupo Estrela Azul irá desfilar ao som das composições “Cantar dum Estrela” de Hernâni Reis e “Bodas de Diamante” de Valerik Soares e com a bateria comandada pelo mestre Miky Lima.

Já o grupo Copacabana mantém a tradição de apenas divulgar o enredo no dia dos desfiles, contudo, o seu presidente, Emanuel Cabral, garantiu que mais uma vez o grupo irá retratar “a vivência do povo são-nicolauense”.

Segundo o mesmo, pela dinâmica apresentada durante os ensaios, as “perspectivas são boas” para o carnaval 2024 e promete apresentar “um bom projecto carnavalesco” para toda a população de São Nicolau e os que escolheram a ilha para passar as festas do Rei Momo.

Relativamente ao número de foliões, apontou que o grupo espera apresentar cerca de 250 figurantes, cujos trajes estão sendo confeccionados em três ateliers distintos.

Também nos estaleiros dos carros alegóricos está-se na fase de pintura e nos retoques finais para o desfile de logo mais à noite, onde o Copacabana vai desfilar da Chãnzinha até o terreiro ao som das músicas “Copa é Maior” de Dino Almeida e “Halloween Carnaval” de Nelson Roque.

De realçar que este ano apenas os grupos Copacabana e Estrela Azul, que comemora 60 anos de existência, participam nos desfiles nos dias 10, 11 e 13 de Fevereiro.

WM/HF

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


22-02-2024 23:07
22-02-2024 22:33
22-02-2024 21:57
22-02-2024 21:51
22-02-2024 21:07