Brava: CEFP capacita 23 pessoas na área do empreendedorismo

01-02-2024 12:52

Nossa Senhora do Monte, 01 Fev (Inforpress)- Cerca de 23 moradores da localidade de Nossa senhora do Monte, na Brava concluíram hoje a formação e capacitação em empreendedorismo, no quadro do Programa Inclusão Produtiva, do Governo, ministrada pelo Centro de Emprego e Formação Profissional (CEFP).

A formação que iniciou no dia 16 de Janeiro, teve como objetivo, instruir os formandos a receber ferramentas importantes, através das aulas para que possam ter total autonomia financeira, sobretudo para que nos próximos tempos possam ter a autonomia pessoal, onde poderão fazer a gestão das suas vidas.

Em entrevista à Inforpress, o formador Mário Jorge, disse que está formação tem decorrido dentro do programa do Governo, denominado de Inclusão Produtiva, cuja a intenção desta capacitação é reduzir a pobreza externa em Cabo Verde.

“É uma formação destinada principalmente para as mulheres, da faixa etária, até 50 anos e preferencialmente aquelas que têm crianças, sobre as suas responsabilidades. Além da formação, os beneficiários do projecto também vão receber um incentivo financeiro, para poderem ter algum rendimento no futuro e gerir os seus pequenos negócios”, salientou.

De acordo com este responsável, a autarquia está a capacitar estes moradores, mas também o Governo solicitou a entidade formadora, neste caso, o CEFP, para coordenar a parte formativa.

“É um programa do Governo, em parceria com as câmaras municipais locais, juntamente com o CEFP e Organização das Mulheres de Cabo Verde (OMCV)”, informou.

Mário Jorge afiançou ainda que a OMCV vai fazer o seguimento na implementação dos negócios após a formação.

Por sua vez, a formanda Sofia da Lomba, mostrou-se satisfeita com a formação e salientou que esta capacitação irá ajudar bastante futuramente, tendo em conta, que irá colocar em prática tudo que aprendeu nas aulas.

“Eu penso em investir na criação de animais, porque a minha família já tem costume em fazer esse tipo de actividades”, declarou.

Já Inês Barros, que também partilha da mesma opinião em relação aos ganhos da formação, sublinhou que quando houver mais formações do tipo gostaria muito de participar.

O CEFP assinou uma minuta de negociação e um memorando de entendimento com o Governo, através da Unidade de Gestão de Projectos Especiais (UGPE) no montante de 6.800 contos para a promoção de acções de formação em empreendedorismo, nomeadamente a educação financeira, ‘Get Ahead’ e outras áreas específicas.

DM

Infopress

Notícias Recentes


20-06-2024 22:21
20-06-2024 21:52
20-06-2024 21:37
20-06-2024 21:14
20-06-2024 20:57