Webinar debate uso dos antimicrobianos no contexto da covid-19 em Cabo Verde

Cidade da Praia, 22 Nov (Inforpress) – A actual situação do uso dos antimicrobianos nas diferentes áreas da saúde e no contexto da covid-19 em Cabo Verde vai ser debatida num webinar que o Instituto Nacional da Saúde Pública (INSP) promove na segunda-feira.

Em comunicado, o INSP adianta que esse webinar, realiza-se no âmbito da Semana Global de Uso de Antimicrobianos realizada de 18 a 24 de Novembro de cada ano, realçando que a resistência antimicrobiana é um problema complexo que requer uma abordagem multissetorial coordenada.

As actividades durante a semana de 18 a 24 de Novembro são realizadas com o objectivo de contribuir para o reforço da abordagem “Uma Só Saúde”, particularmente a resistência antimicrobiana.

“O slogan que norteia as actividades este ano é “Antimicrobianos: use com cautela”. Associado à iniciativa da OMS de chamar atenção do mundo para a problemática da resistência aos antimicrobianos, o INSP, enquanto sede da Instância Nacional de Coordenação (INC) para estratégia “Uma só Saúde”, realiza, juntamente com os parceiros um conjunto de actividades, entre as quais, discussão da situação actual com os parceiros e divulgação de informações sobre a temática”, lê-se na nota.

A abordagem “Uma Só Saúde” reúne vários sectores e partes interessadas que desempenham um papel nas áreas de saúde humana, ambiental e produção de alimentos para humanos e animais, e visa promover a comunicação e o engajamento dos responsáveis dos sectores na implementação de programas e politicas para alcançar melhores resultados de saúde pública.

O ponto alto das actividades é a realização do webinar sobre a situação actual do uso dos antimicrobianos na abordagem uma só saúde, e no contexto da pandemia de covid-19, em Cabo Verde.

Realizada anualmente desde 2015, a campanha global da OMS sobre a Semana mundial para o bom uso dos antimicrobianos tem como objectivo aumentar a conscientização sobre o problema da resistência antimicrobiana em todo o mundo e incentivar as melhores práticas na população e no seio dos profissionais de saúde e formuladores de políticas.

CM/CP

Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos