PR ucraniano diz que operação russa em Kharkiv foi um fracasso

09-06-2024 10:55

Kiev, 09 Jun (Inforpress) - O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, descreveu o fracasso da operação russa em Kharkiv como “muito significativo”, na sua mensagem nocturna diária, acrescentando que essa frente de combate será ainda mais reforçada.

"Falei com o comandante-em-chefe sobre a situação geral. Um resultado muito significativo é que o exército russo falhou na sua operação em Kharkiv. Agora estamos a contê-los ao máximo e a destruir unidades russas que entram no nosso território e aterrorizam a região de Kharkiv", afirmou o Presidente ucraniano.

Zelensky acrescentou que “a frente (de Kharkiv) foi reforçada e será ainda mais fortalecida”.

O chefe de Estado ucraniano observou que também houve um relatório sobre as frentes de Donetsk, onde a situação é mais difícil.

Zelensky também enfatizou que estão a ser feitos trabalhos para fornecer mais reservas às forças de defesa ucranianas.

Declarou ainda que, graças às negociações e reuniões em França, existem novas decisões para a defesa ucraniana por parte da França e dos Estados Unidos, aos quais expressou a sua gratidão.

O Presidente ucraniano especificou que também há avanços na artilharia, incluindo a produção de projécteis calibre 155 na Ucrânia e acrescentou que está a ser preparada uma nova plataforma de produção.

"Também haverá maior capacidade para a nossa aviação de combate e guerra electrónica. Obrigado à França e a Emmanuel (Macron, Presidente francês) pessoalmente pela sua iniciativa e apoio às nossas propostas para treinar os nossos soldados e abastecer as nossas brigadas. Juntos estamos a preparar uma nova estratégia sistemática para unidades ferroviárias do exército ucraniano", declarou.

Zelensky acrescentou que “já existem acordos com parceiros sobre sistemas adicionais de defesa aérea para a Ucrânia e algumas dessas decisões serão implementadas mais cedo, e outras - mais perto do outono”.

“Os novos acordos de segurança para a Ucrânia estão quase prontos”, acrescentou, sem especificar quais países.

Hoje, o serviço de informação militar ucraniano garantiu também que conseguiu causar danos a um caça russo Su-57, um dos mais modernos da sua frota aérea, durante um ataque ocorrido no sábado contra um campo de aviação na região russa de Astrakhan, no sul do país.

Inforpress/Lusa

Fim

Notícias Recentes


13-06-2024 17:11
13-06-2024 16:59
13-06-2024 16:46
13-06-2024 16:42
13-06-2024 16:45