Portugal: Embaixador de Cabo Verde admite casos pontuais de solicitação de ajuda para regresso ao país (c/áudio)

01-04-2024 11:38

Lisboa, 01 Abr (Inforpress) - O embaixador de Cabo Verde em Portugal admitiu que há cabo-verdianos a solicitar ajuda à embaixada para retornar a Cabo Verde, esclarecendo que tais casos são pontuais e não representam uma “preocupação significativa” até o momento.

Eurico Monteiro fez essas declarações à Inforpress, em Lisboa, quando instado sobre o assunto, tendo reconhecido que existem situações em que pessoas enfrentam dificuldades, especialmente relacionadas à habitação e ao desemprego.

“São pontuais, muito, muito pontuais (…). No conjunto, os números não são significativos e até esta data são números completamente residuais e não merecem ainda a nossa preocupação”, confirmou Eurico Monteiro, sem, entretanto, avançar esses números.

Para além disso, o embaixador de Cabo Verde em Portugal apontou outros desafios que podem estar a levar algumas pessoas a pedir essa ajuda, como a “idade avançada e baixos rendimentos” provenientes de subsídios do Estado e pensões.

Apesar dos desafios enfrentados pela população em meio à crise, Eurico Monteiro expressou confiança em relação ao futuro e observou que, até o momento, os números de solicitações de ajuda para regressar a Cabo Verde “não indicam uma tendência alarmante”.

DR/ZS

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


21-04-2024 12:20
21-04-2024 12:07
21-04-2024 11:51
21-04-2024 10:54
21-04-2024 9:59