Porto do Maio movimentou mais de 40 mil passageiros durante o ano de 2023

27-02-2024 16:54

Porto Inglês, 27 Fev (Inforpress) - O presidente do conselho de administração (PCA) da Enapor, Ireneu Camacho, informou hoje que o porto do Maio movimentou durante o ano de 2023 a esta parte cerca de 43 mil passageiros.

Em declarações à Inforpress o PCA da empresa gestora dos portos de Cabo Verde assegurou que a ilha do Maio vem conhecendo “ganhos significativos", após a ampliação e modernização do porto, que ganhou duas rampas, o que tem possibilitado a atracção dos navios roll-on/roll-off.

Conforme avançou aquele responsável, após a inauguração dos trabalhos no porto, que aconteceu em Setembro de 2022, a ilha conheceu um aumento do fluxo de passageiros que ronda os 44 por cento (%), o que representa a movimentação de 52 mil passageiros.

Acrescentou que de 2023 a esta parte já foram movimentados no porto do Maio cerca de 43 mil passageiros, o que demonstra que a ilha está a ter uma nova dinâmica no sector da economia, bem como no turismo interno como externo.

Ireneu Camacho salientou, por outro lado, o início da construção da gare marítima, estrutura que considerou "ultra-moderna" e uma “mais-valia” para a melhoria da prestação de serviço destinado aos utentes.

“Estamos a construir também um armazém novo, uma guarita, um espaço especial para os estivadores, para além dos investimentos que estamos a fazer nas outras ilhas", indicou, sublinhando que o objetivo é melhorar as condições dos portos.

Relativamente aos constrangimentos que aconteceram durante o Verão em que algumas vezes os navios não conseguiram atracar, devido às condições climatéricas, aquele responsável enfatizou que estes tipos de condicionalismos representam desafios para serem melhorados com o tempo, analisando ponto a ponto.

"Estamos a analisar as condições climatéricas que existem aqui na ilha do Maio, que é um facto, em que os navios podem não atracar, mas é uma questão de segurança, porém é preciso analisar que a taxa de atracação é acima dos 90%", precisou.

O PCA da Enapor deixou em aberto a possibilidade de construção de um depósito de armazenamento de combustível na ilha do Maio, algo que disse estar a ser analisado com as empresas petrolíferas, e que, segundo ele, poderá ser uma realidade ainda durante o ano de 2024.

Perspectivou ainda a vinda de alguns navios de cruzeiro para a ilha durante este ano, algo que já vem acontecendo, realçando que neste momento estão reunidas as condições para atracação de navios do tipo, o que vai impactar na economia local.

WN/CP

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


20-06-2024 8:09
20-06-2024 8:02
20-06-2024 7:55
19-06-2024 22:59
19-06-2024 22:48