Décima edição da Semana Cultural Chinesa em Cabo Verde decorre sob o signo do Dragão

10-02-2024 14:51

Cidade da Praia, 10 Fev (Inforpress) – A décima edição da Semana Cultural Chinesa em Cabo Verde decorre de 09 a 18 deste mês, com actividades na Praia e no Mindelo e sob o signo do Dragão, um símbolo de poder, força, fortuna e prosperidade.

Em declarações à Inforpress, a secretaria executiva da Associação de Amizade Cabo Verde-China (Amicachi), Ana Carvalho, explicou que a iniciativa pretende, contribuir para a promoção da cultura chinesa nas ilhas, da cultura cabo-verdiana e o intercâmbio entre as culturas dos dois países.

O evento que já vai na sua 10ª edição, pretende criar um espaço de fomento e desenvolvimento das relações entre os dois países em diversos domínios, nomeadamente, cultura, educação, empresarial e outros domínios que compõem as áreas de actuação da Amicachi.

Adiantou que as actividades iniciaram na sexta-feira, 09, com um jantar do Ano do Dragão, que decorreu no Centro de Intercâmbio China – Cabo Verde, evento esse, que serviu também para celebrar o início do ano do Dragão.

No domingo, 11, o auditório nacional irá receber a gala do ano novo chinês que contará com actuações de dança, música e poemas de grupos de chineses e de cabo-verdianos.

Por outro lado, disse que o centro cultural do Mindelo, em São Vicente, irá receber o show cultural China-Cabo Verde a 17 deste mês.

Consta ainda da programação, consultas de especialidades com a equipa médica chinesa, no dia 17 de Fevereiro, no Concelho do Tarrafal de Santiago

Ana Carvalho assegurou que a edição deste ano irá promover ainda actividades desportivas como futebol de salão, ténis de mesa, palestras de como estudar na China, para alunos dos liceus, e uma mesa redonda para artistas.

A Amicachi, desde a sua criação a 01 de Outubro de 2011, tem sido uma ponte facilitadora de contactos entre Cabo Verde e China, actuando de forma complementar à cooperação entre os governos dos dois países.

A associação tem realizado vários projectos e actividades, nomeadamente, a Semana Cultural Chinesa em Cabo Verde, a instalação do Instituto Confúcio na Universidade de Cabo Verde (Uni-CV), cursos de chinês, apoio à integração da comunidade chinesa em Cabo Verde e da comunidade cabo-verdiana na China.

Actuações e intercâmbios de grupos artísticos cabo-verdianos e chineses na China e Cabo Verde, respectivamente, bem como apoio à comunidade empresarial fizeram parte, também, dessas actividades.

AV/HF

Inforpress/Fim

Notícias Recentes


22-02-2024 23:07
22-02-2024 22:33
22-02-2024 21:57
22-02-2024 21:51
22-02-2024 21:07