Voo comercial Luanda/Sal inicia segunda-feira – Cabo Verde Airlines faz estreia à Luanda em Outubro

Espargos, 26 Abr (Inforpress) – O ministro do Turismo, Transportes e da Economia Marítima anunciou, hoje, no Sal, que o voo comercial Luanda/Sal inicia-se na próxima segunda-feira, enquanto a Cabo Verde Airlines faz seu voo estreia, à cidade angolana, em Outubro.

José Gonçalves fez este anúncio no acto inaugural do voo das Linhas Aéreas de Angola (TAAG) que aterrou na tarde de hoje no Aeroporto Internacional Amílcar Cabral, num ambiente testemunhado por altas individualidades de ambos países.

Para o governante, que discursava na presença do secretário de Estado do Turismo angolano, Alves Primo, em representação do seu homólogo Ricardo Viegas D’Abreu, que não pôde estar presente, a retoma dos voos das Linhas Aéreas de Angola (TAAG) para Cabo Verde reveste-se de “grande importância”.

“São novas oportunidades. Em termos da nossa diversificação do turismo estamos a olhar seriamente para Angola, receber os nossos amigos, irmãos e turistas, não só na ilha do Sal, mas em qualquer ponto de Cabo Verde. É neste sentido que este voo se reveste de especial importância”, manifestou.

Uma vez que Cabo Verde assume a presidência da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), José Gonçalves faz fé na facilitação da mobilidade entre os países que compõem a comunidade.

“Juntamente com Angola, vamos liderar esse processo e fazer com que a CPLP tenha um novo corpo e dinamizar a mobilidade entre os nossos países. Angola e Cabo Verde estão a mostrar o caminho para os outros seguirem”, disse.

No final, a ocasião foi, também, oportunidade para a assinatura de um protocolo com a Cabo Verde Airlines, um acordo de cooperação para operacionalização em regime de code-share com ligações aéreas entre Luanda e Sal, rubricado entre o presidente do conselho de administração da Cabo Verde Airlines, Jens Bjarnason, e o presidente do conselho executivo da TAAG, Rui Carreira.

Foi, ainda, rubricado um outro acordo, desta feita com a Câmara de Turismo de Cabo Verde e o Núcleo PALOP da Confederação Empresarial.

Os voos directos entre Angola e Cabo Verde foram suspensos em 2016 devido à falta de rendibilidade do destino, e agora, três anos depois, a TAAG volta a ligar os dois países, via São Tomé e Príncipe com destino à ilha do Sal.

Segundo informações da transportadora aérea cabo-verdiana, os voos serão operados no B737-700 de 120 lugares da TAAG, com os seguintes horários: sexta-feira e domingo Luanda-Sal 22:50/+04:55 – hora local (via São Tomé e Príncipe) e segunda-feira e sábado Sal-Luanda 6:25/16:20 – hora local (via São Tomé e Príncipe).

A previsão da saída do voo Sal/Luanda com a comitiva angolana, está prevista para esta noite, às 21:10.

SC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos