Venezuela: Autoridades confirmam três mortos, 62 feridos e 312 detidos

 

Caracas, 20 Abr (Inforpress) – O Ministério Público venezuelano (MP) confirmou hoje que três pessoas morreram, 62 ficaram feridas e 312 foram detidas, quarta-feira, dia em que a oposição saiu às ruas das principais cidades a protestar contra a “ruptura” da ordem constitucional.

Segundo o MP os falecidos foram identificados como Andreina Ramírez Gómez de 23 anos, o sargento da Guarda Nacional Bolivariana (GNB, polícia militar), José San Clemente Barrios e um jovem de 17 anos de idade, Carlos José Moreno.

O Estado venezuelano de Táchira (sudoeste do país) foi onde se registam mais feridos, 19, seguido pela cidade de Caracas (15), Mérida (8), Barinas (5), Falcón (4), Anzoátegui, Carabobo, Portuguesa e Zúlia, cada um com 2. As localidades de Bolívar e Apure registaram cada uma, um detido.

Segundo o MP foi detido Iván Alexis Pernía Dávila (31) por alegadamente estar envolvido no assassinato de Andreína Ramírez Gómez, ocorrido nas proximidades da Praça San Carlos, em San Cristóbal.

Por outro lado, o MP iniciou as investigações à morte de Niumar José San Clemente Barrios, na noite de quarta-feira, na localidade de Santo António de Los Altos, a sul de Caracas.

A vítima, segundo o MP, realizava trabalhos de ordem pública, quando foi surpreendida por vários tiros que feriram ainda um coronel (Chefe do Estado Maior).

Entretanto milhares de venezuelanos voltaram hoje às ruas da cidade de Caracas em protesto pela repressão policial durante manifestações opositoras, para exigir a libertação de presos políticos e o fim da “ditadura”.

Os opositores querem ainda que se realizem eleições livres na Venezuela, que seja aberto um canal humanitário para a entrada de alimentos e medicamentos no país.

Protestam ainda pelo que dizem ser uma ruptura da ordem constitucional e contra duas recentes sentenças em que o Supremo Tribunal de Justiça limita concede poderes especiais ao Chefe de Estado, limita a imunidade parlamentar e assume as funções do parlamento.

Inforpress/Lusa

Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos