Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Uni-CV e SCM assinam protocolo para protecção dos direitos dos autores e artistas

Cidade da Praia, 24 Jun (Inforpress) – A Universidade de Cabo Verde (Uni-CV) e a Sociedade Cabo-verdiana de Música (SCM) propõem criar mecanismos conducentes à materialização de acções concretas no âmbito da protecção dos direitos patrimoniais e morais dos autores e artistas.

O protocolo para a materialização desse desiderato foi rubricado hoje, na Cidade da Praia, entre a presidente da SCM, Solange Cesarovna, e a reitora da Uni-CV, Judite do Nascimento.

Na ocasião, Solange Cesarovna assumiu o compromisso da SCM ser uma escola para os seus membros, de modo a dotá-los de ferramentas correctas, fomentando a partilha da boa prática de gestão colectiva, que além de ensinar os direitos, cultiva o ensino dos deveres.

Neste sentido, frisou ser uma honra estabelecer esta parceria com a universidade pública, uma vez que, justificou, se a SCM pretende elevar o espírito de missão enquanto escola a outros patamares e a outros maiores desafios, estar associado a Uni-CV é uma mais-valia.

Adiantou que a SCM quer estar ao serviço da Uni-CV, para desenharem juntas, outras possíveis oportunidades em que os autores, artistas e a sociedade em geral possam beneficiar, tendo destacado cursos profissionais, workshops, residências artísticas de entre outras possibilidades.

Nesta linha, Solange Cesarovna destacou a importância da educação para a prosperidade do País, tendo frisado que nestes oito anos da SCM, a instituição assumiu o papel de educador, pelo que com esta parceria irão reforçar este papel e atingir outros patamares, não só em termos de alcance, mas de responsabilidades.

Por sua vez, a reitora da Uni-CV adiantou que a instituição tem um pilar importante, o da extensão universitária, e também definiram o pilar da cultura universitária e do ambiente académico, pelo que através destes dois pilares estão a construir um projecto de promoção da música e da cultura cabo-verdiana nas suas várias componentes e das suas com relações com outras culturas.

A Casa da Música da Uni-CV está neste momento a reestruturar, desenvolvendo um “projecto inovador”, no sentido de ir ao encontro das expectativas da Sociedade Cabo-verdiana da Música, em ter instituições onde possam desenvolver o sector musical e a cultura do País em geral, sublinhou Judite do Nascimento.

De igual modo, salientou esta responsável, pretendem contar com a SCM na consolidação do projecto reforço da cultura universitária e do ambiente académico, e na consolidação da salvaguarda dos direitos de quem produz arte, ciência e tecnologia.

Judite Nascimento apontou os ganhos conseguidos neste sentido, mas sublinhou que ainda há um longo caminho a percorrer, de maneira que a Uni-CV tenciona trabalhar junto com a SCM na promoção, consolidação e apropriação da cultura cabo-verdiana.

TC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos