Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Três concertos marcam agenda cultural da XII Cimeira dos Chefes de Estado e do Governo da CPLP

Cidade da Praia, 22 Jun (Inforpress) – Três concertos vão marcar a agenda cultural da XII Cimeira dos Chefes de Estado e do Governo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) que terá lugar nos dias 17 e 18 de Julho, na ilha do Sal.

Segundo o ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, a cultura vai ter uma presença marcante no evento, estando já confirmada a presença de vários artistas nos três concertos previstos.

“Temos um grande concerto que é Miri Lobo e amigos. Miri Lobo vai convidar um conjunto de grandes artistas cabo-verdianos. Já temos confirmados Nancy Vieira, Tito Paris, Bau, Voginha, Cremilda. Vamos ter um leque muito grande de artistas”, disse.

Abraão Vicente, que falava na conferência de imprensa em que apresentou a marca e o site oficial da Cimeira, fez questão de diferenciar essa agenda cultural da cimeira da programação cultural para os dois anos da presidência cabo-verdiana da CPLP.

“O que se vai passar na Cimeira é apenas a animação cultural, apenas uma mostra”, disse realçando ainda que o evento conta com exposição de artesanato, de uma mostra significativa dos autores cabo-verdianos constantes na colecção permanente da arte contemporânea.

“A agenda efectiva dos dois anos vai ser muito mais intensa e vai também englobar a aprovação do mercado das artes e das indústrias criativas que também está ligado à ideia da mobilidade que nós queremos imprimir na comunidade”, salientou.

O governante salientou que da Cimeira deve sair um conjunto de resoluções, nomeadamente, ligadas ao património imaterial, ao património material e à língua portuguesa, “enquanto instrumentos que une os povos”.

A Cimeira da CPLP, que marca o início da presidência cabo-verdiana, terá lugar nos dias 17 e 18 de Julho, na ilha do Sal.  Para o encontro já estão confirmados todos os chefes de Estado dos nove países que integram a comunidade, segundo adiantou o ministro Abraão Vicente.

Antes do encontro de chefes de Estado e do Governo dos países lusófonos, decorrerão reuniões do Conselho de Ministros, do Comité de Concertação Permanente e dos Pontos Focais de Cooperação.

MJB/FP

Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos