Exportações de Cabo Verde totalizaram a cifra de 7.058 mil contos em 2018 – INE

Cidade da Praia, 28 Jan (Inforpress) – Os dados provisórios do Comércio Externo de 2018, divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), indicam que as exportações do País totalizaram em 7.058 mil contos, mais 2.168 mil contos face ao ano anterior, revelando um acréscimo de 44,3 por cento (%).

Segundo o INE as importações diminuíram -1,2% face ao ano 2017 enquanto as reexportações aumentaram em 13,7% comparativamente ao ano de 2017. O instituto Nacional de Estatística indicou ainda que no ano de 2018, o deficit da balança comercial diminuiu -4,3% e a taxa de cobertura aumentou em 3,0 pontos percentuais.

Conforme o INE, a Europa continua sendo o principal cliente de Cabo Verde, absorvendo cerca de 95,9% do total das exportações cabo-verdianas e a Espanha lidera o ranking dos principais clientes de Cabo Verde na zona económica europeia, representando, no ano 2018, 78,4% do total das exportações.

“Em 2018 os produtos mais exportados por Cabo Verde, foram os preparados e conservas de peixes, representando 60,9%, os peixes, crustáceos e moluscos se posicionam em segundo lugar com 18,1% do total, e os vestuários ocuparam o terceiro lugar com um peso de 8,9%”, lê-se no documento relativo às Estatísticas do Comércio Externo.

O mesmo documento revela que nas importações o continente europeu continua a ser o principal fornecedor de Cabo Verde, com 78,0% do montante total, seguido de Ásia/Oceânia  com 11,0%, da América 6,2%, da  África  com 2,6% e o Resto do Mundo  com 2,2%.

Entre os países fornecedores de Cabo Verde, Portugal lidera com 40,6% do total das importações (2,3 pontos percentuais a menos em relação ao ano anterior), seguido da Espanha com 13,9% e Países Baixo com 6,3%.

CD/FP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos