Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Tarrafal de Santiago: Organização faz balanço “extremamente positivo” do Festival Nhu Santo Amaro 2020

Tarrafal, 13 Jan (Inforpress) – O vereador da Cultura, Daniel David Soares, fez hoje um balanço “extremamente positivo” do Festival “Nho Santo Amaro 2020″, destaque das festividades do Dia do Município e santo padroeiro, assinalado a 15 de Janeiro, que terminou hoje no Tarrafal.

“Este não é um balanço da câmara municipal, é do Tarrafal, e das pessoas que nos visitaram. Percebemos que ficaram satisfeitos e prometemos continuar a trabalhar para valorizar cada vez mais este produto que temos aqui no Tarrafal”, assegurou Daniel David, à Inforpress e à RTC.

Relativamente à mudança do palco do Largo Baía Verde, onde recebia há mais de 20 anos o certame, sustentou que a transferência para o estádio municipal do Tarrafal deu certo, e que foi ao encontro da satisfação e conforto das pessoas.

Na mesma linha, o público apesar de dar nota positiva a esta edição, diverge-se quanto à mudança do espaço do certame.

No entanto, os festivaleiros reconhecem que actuaram artistas de “peso” a nível nacional, mas, sugeriram a introdução no cartaz do próximo ano dos artistas, de momento, como Djodje e Loony Johnson e entre outros.

Estes foram unânimes em afirmar que os cabeças-de-cartaz Tony Fika, Soraia Ramos e Dynamo terem feito “bom show”, no entanto, divergem-se quanto à actuação do MC Tranka Fulha, que não agradou a maioria dos presentes.

Durante os dois dias subiram ao palco do certame, que teve como cabeças-de-cartaz Soraia Ramos, Tony FIka e Dynamo, Mudjeres di Bom Speransa, IMB Promissores, Devil Max, seguindo-se Fidjus di Codé di Dona, Lejemea, César Sanches, Loreta, Delta Cultura, Advogado Rap,Suzete Montrond, Carter MC, Tranka Fulha e Ferro Gaita.

A animação musical nos dois dias do certame que juntou no palco vários ritmos como o fenómeno “cotxi pó”, batuco, rap, hip hop, funaná, kizomba e entre outros, esteve a cargo do MC Acondize e dos DJ Ed100son e Axel, Narciso e Kevy Delgado.

O festival de música, organizado pela Câmara Municipal do Tarrafal, foi realizado e produzido por privados (Gil Palcos, AV Produções e Marius Produções), conta com patrocínio da CV Móvel.

Além do festival de música, para assinalar o Dia do Município do Tarrafal e do seu santo padroeiro, foi preparado um leque de actividades culturais e desportivas que já arrancaram desde meados de Dezembro, e ainda várias inaugurações, que culminam esta quarta-feira, com uma procissão e missa, no Largo Santo Amaro.

FM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos