ONG critica criminalização de resgates de migrantes no Mediterrâneo e lamenta falta de ação europeia

Lisboa, 03 Jul (Inforpress) – A organização não-governamental alemã Sea Watch, que desenvolve operações de resgate no Mediterrâneo, lamentou hoje que a União Europeia esteja a tentar criminalizar os migrantes e os que acorrem em seu auxílio, exigindo uma “passagem segura” para os refugiados. Numa resposta escrita enviada à Lusa, a organização não-governamental (ONG), que […]