Síria: Mais de 20 civis mortos em bombardeamentos nas úlimas 48 horas – ONG

 

Cairo, 26 Abr (Inforpress) – Pelo menos 16 civis morreram nas últimas 48 horas na Síria por bombardeamentos da coligação internacional, liderada pelos EUA, enquanto um suposto ataque aéreo russo matou oito pessoas da mesma família, informou uma ONG.

Segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), pelo menos oito membros da mesma família, incluindo seis menores de idade, morreram num presumível bombardeamento russo no noroeste da Síria.

O ataque ocorreu hoje de madrugada na localidade de Basanqul, perto da cidade de Ariha, no centro da província de Idleb (noroeste), adiantou a organização.

O OSDH denunciou também a morte de pelo menos 16 civis em ataques da coligação internacional em zonas do oeste da província síria de Raqa.

Onze das vítimas, entre as quais três mulheres e oito menores, perderam a vida num ataque de aviões da coligação contra o veículo em que seguiam na periferia da cidade de Tabqa.

Esta cidade, que foi um importante centro de segurança do grupo terrorista Estado Islâmico, é o alvo de uma ofensiva das Forças da Síria Democrática (FSD), uma aliança armada encabeçada por milícias curdas, que tem a cobertura aérea da coligação e o apoio de forças especiais dos EUA.

O Observatório acrescentou que outras cinco pessoas morreram num bombardeamento da coligação em Kadiran, também no oeste de Raqa.

Este aumento dos bombardeamentos coincide com os combates entre as FSD e os islamitas em Tabqa.

O conflito na Síria prolonga-se desde 2011 e já fez mais de 320 mil mortos e milhões de refugiados.

Lusa/Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos