Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Sindicatos destacam contributo de Kaká Barbosa na edificação do movimento sindical cabo-verdiano

Cidade da Praia, 06 Mai (Inforpress) – Os sindicatos filiados na UNTC-CS destacaram hoje o “grande contributo” que  Kaká Barbosa deu na edificação do movimento sindical cabo-verdiano e na emancipação da classe trabalhadora do País.

Em conferência de imprensa, o porta-voz do grupo, Aníbal Borges, disse que os sindicatos, na sequência do falecimento de Kaká Barbosa, antigo dirigente da UNTC-CS, vem publicamente manifestar o seu “profundo pesar” por essa “irreparável perda” e apresenta “sentidas condolências” à família enlutada.

“Os sindicatos subscritores lembram que o antigo dirigente sindical Kaká Barbosa foi um dos precursores do movimento sindical em Cabo Verde e foi um abnegado lutador pela causa dos trabalhadores cabo-verdianos. Deu os primeiros passos no sindicalismo na ilha de São Vicente logo após o 25 de Abril de 1974 em Portugal”, lembrou.

Salientou ainda a “participação activa” de Kaká Barbosa nos momentos “mais marcantes” da história do sindicalismo cabo-verdiano e na criação do Grupo de Acção Sindical e da Comissão Organizadora dos Sindicatos.

Para este responsável, Kaká Barbosa será “sem dúvida alguma sempre guardado e lembrado”  na história da UNTC-CS e do movimento sindical cabo-verdiano, recordando que em 2008 a central sindical, no âmbito das comemorações do seu 30º aniversário, prestou-lhe uma “justa e merecida” homenagem.

Os sindicatos subscritores do comunicado de pesar pelo falecimento de Kaká Barbosa, segundo Aníbal Borges são STIF, SISCAP, SINTCAP, SIMETEC, SICS, SINTAP, SICOTUR, SLTSA, STIM, STBV e SINDEP.

O poeta, músico, activista social e escritor Kaká Barbosa faleceu no passado dia 01 de Maio no Hospital Agostinho Neto, vítima de doença prolongada.

Nascido em 1947, na ilha de São Vicente, Carlos Alberto Lopes Barbosa, mais conhecido por Kaká Barbosa, viveu toda a sua infância e juventude em Santa Catarina, mais concretamente na cidade da Assomada, uma região que influenciou e marcou a sua personalidade artística.

É músico, intérprete e compositor de temas marcantes, muitos deles gravados nas rádios e discos.

Tem cinco obras publicadas sendo três escritas em crioulo cabo-verdiano “Vinti Xintido”, “Son di ViraSon” e “Konfison na Finata” e duas em português “Chão Terra Maiamo” e “Cântico às Tradições”.

Foi sócio fundador e membro do conselho de administração da Sociedade de Autores Cabo-verdianos. Foi deputado da Nação da VI e VII legislaturas.

Em Fevereiro último, Kaká Barbosa disse à Inforpress que estava comovido por ser um dos homenageados da Sociedade Cabo-verdiana de Autores (SOCA), durante uma gala que aconteceu na Assembleia Nacional, cidade da Praia.

CM/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos