Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Secretário de Estado destaca importância do empoderamento das associações juvenis

Cidade da Praia, 24 Jul (Inforpress) – O secretário de Estado para a Juventude destacou hoje importância do empoderamento das associações juvenis e a criação de um modelo de financiamento e assistência técnica transparente visando dotar as associações juvenis de uma maior autonomia.

Carlos Monteiro fez estas declarações durante a sua intervenção na cerimónia de encerramento da formação ‘on-line’ em “Liderança para associações e grupos juvenis”, realizada hoje na Cidade da Praia.

Conforme lembrou o secretário de Estado Adjunto do Ministro de Estado, essas acções de capacitação enquadram-se no programa do Governo que pretende munir os jovens cabo-verdianos de ferramentas, que permitam melhorar o seu perfil e torna-los cada vez mais competitivos no mercado nacional e internacional.

“Conectar jovens às oportunidades não se trata apenas de mostrar-lhes que existe esta oportunidades neste país ou naquele continente, trata-se, em primeira linha, de fazer com que os jovens tenham ou possuem as ferramentas necessárias para terem sucesso no mundo de hoje”, referiu, destacando o acesso à educação e formação profissional e conhecimento como instrumentos importantes para o mercado.

Para Carlos Monteiro, é importante que os jovens, através das ferramentas e experiências adquiridas consigam transmitir os conhecimentos nas suas comunidades e inspirar outros jovens.

Frisou ainda, que a situação actual provocada pela crise pandémica veio trazer uma redefinição de prioridades, exigir uma maior aceleração na concretização das medidas e pôr a nu as maiores dificuldades que cada país enfrenta no contexto da covid-19.

Por seu turno, a representante do Escritório Conjunto das Nações Unidas (PNUD, UNICEF e UNFPA), Adelaide Barreto, destacou a importância da formação no reforço das competências dos dirigentes e seus associados, defendendo que os jovens devem participar de forma activa na construção de sociedades inclusivas e promotoras do desenvolvimento sustentável.

“Esta formação aconteceu no momento ideal porque vai ao encontro das vossas expectativas e responde ao apelo do secretário-geral das Nações Unidas no empoderamento da juventude e a sua participação na agenda 2030. Os jovens são desafiados enquanto protagonistas para uma maior participação, engajamento no processo de desenvolvimento local nacional e internacional”, declarou.

A formação foi promovida pelo Governo, através do Instituto do Desporto e da Juventude, e conta com o apoio técnico e financeiro do Escritório Conjunto das Nações Unidas, no âmbito do programa ‘YouthConnekt-CV’.

A acção de capacitação, destinada aos dirigentes associativos, agentes associados e jovens beneficiou cerca de 90 jovens, em todo o território nacional.

Teve como objectivo reforçar as competências dos dirigentes associativos e dos seus associados, com técnicas e ferramentas para o desenvolvimento de projectos impactantes para as comunidades, bem como adequar a gestão social dos projectos, definir estratégias inovadoras para mobilização de recursos e parcerias.

CM/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos