São Vicente: Professores saem à rua para mostrar descontentamento e reclamar de incumprimentos do ministério – sindicato

Mindelo, 12 Fev (Inforpress) – Os professores filiados no Sindicato Nacional do Professores (Sindep) organizam neste sábado, 13, uma parada e marcha, no Mindelo, para mostrar “descontentamento” e reclamar de “incumprimentos” do ministério, disse o secretário-executivo do sindicato. 

Nelson Cardoso adiantou à Inforpress, que essa jornada de luta terá dupla significância, primeiramente para protestar e mostrar descontentamento, mas também para “chamar atenção de que os professores não vão parar diante dos descasos do Ministério de Educação”. 

“Há muita violação e incumprimento de acordos, temos ainda muitos pendentes por resolver e que se arrastam desde 2016”, sustentou a mesma fonte, que enumerou subsídios por pagar, requalificações por fazer e ainda “violação do estatuto dos professores”, que foi aprovado desde 2015. 

“Todos esses pendentes têm colocado atrasos na evolução da carreira dos professores”, sublinhou Nelson Cardoso. 

A iniciativa dos professores terá início com uma parada na Praça Dom Luís, pelas 15:30 e depois uma marcha a partir das 16:00 seguindo o trajecto Avenida 05 de Julho, Praça Nova e por fim a Delegação do Ministério de Educação. 

Nelson Cardoso garantiu que vão ser salvaguardadas as medidas de prevenção à covid-19 como distanciamento social e uso de máscaras. 

O Sindep, segundo o secretário-executivo, representa mais de 50 por cento (%) dos professores do País e em São Vicente conta com cerca de 75% dos docentes da ilha, desde o pré-escolar até ao ensino superior. 

LN/HF

Inforpress/Fim 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos