São Vicente: Mindelo acolhe evento literário “Escritaria” em homenagem a Germano Almeida

Mindelo, 13 Nov (Inforpress) – A cidade do Mindelo recebe de 20 a 25 de Novembro, o evento literário Escritaria trazido de Portugal para Cabo Verde e que presta homenagem ao escritor e Prémio Camões cabo-verdiano Germano Almeida.

Conforme informações do Governo, a Escritaria vai ser celebrada ao ritmo cabo-verdiano, com a cidade de Mindelo a ser “contaminada” com a homenagem à vida e obra do seu conterrâneo, Germano  Almeida, homenageado em 2021, em Penafiel.

A iniciativa, organizada em parceria entre o Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas de Cabo Verde e a Câmara Municipal de Penafiel, vai contar com as presenças do próprio homenageado, do ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, do presidente da autarquia portuguesa, Antonino de Sousa, e da vereadora da Cultura, Daniela Oliveira.

O evento, segundo a mesma fonte, chega a Cabo Verde após a participação do ministro Abraão Vicente na homenagem feita ao escritor e Prémio Camões cabo-verdiano, naquela cidade do norte de Portugal, numa parceria de cooperação literária.

A programação, assegurou o Governo, é vasta e vai decorrer essencialmente nos dias 21 e 22, no Centro Cultural do Mindelo.

De destacar a sessão de abertura oficial do evento, no dia 21, que integra vários momentos, entre estes, a “Conversa em torno da Escritaria”, a abertura oficial da Feira do Livro – Especial Germano Almeida e o lançamento do livro “Infortúnios de um Governador nos Trópicos”.

Já no dia seguinte (22), o ponto alto será a inauguração da silhueta do autor.

Neste mesmo dia, Germano Almeida estará em três escolas em conversas com alunos, entre outras actividades.

Escritaria é um evento literário organizado pela Câmara Municipal de Penafiel, Portugal, que tem como principal objectivo a homenagem de um escritor vivo de língua portuguesa.

Há 16 edições que este evento tem “respirado” escritores de língua portuguesa, imergindo na sua vida e obra e partilhando o mesmo com todos.

Até ao momento, o festival já celebrou Urbano Tavares Rodrigues, José Saramago, Agustina Bessa-Luís, Mia Couto, António Lobo Antunes, Mário de Carvalho, Lídia Jorge, Mário Cláudio, Alice Vieira, Miguel Sousa Tavares, Pepetela, Manuel Alegre, Mário Zambujal, Germano Almeida, Ana Luísa Amaral e Miguel Esteves Cardoso.

Germano Almeida, prémio Camões 2018 e um dos mais proeminentes escritores em língua portuguesa, foi o homenageado da 14ª edição deste festival literário.

LN/CP

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos