Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

São Vicente: Jogo Cabo Verde – Nigéria sem público por determinação da CAF

Mindelo, 03 Set (Inforpress) – A Confederação Africana de Futebol (CAF) desautorizou a presença de público no Estádio Adérito Sena, no Mindelo, na terça-feira, 07, por ocasião do jogo Cabo Verde – Nigéria, do Grupo C de qualificação africana para o Mundial’2022.

O vice-presidente da Federação Cabo-verdiana de Futebol (FCF), Paulo Santos, informou hoje que esta manhã a FCF recebeu da CAF, na sequência do pedido formulado pela federação, a reconfirmação da não autorização da presença de público no Estádio Adérito Sena.

Aliás, segundo a mesma fonte, decisão idêntica tinha sido assumida “em quase todos os outros jogos desta jornada dupla” de qualificação para o Mundial’2022, no Qatar.

“Esta decisão, que acatamos, é decorrente do protocolo sanitário da FIFA sobre a covid-19”, concretizou Paulo Santos, que informou ainda que a FCF encontra-se a diligenciar para que os órgãos de comunicação social de Cabo Verde tenham acesso ao sinal para a transmissão televisiva, a nível do território nacional, bem como a cobertura radiofónica.

Por outro lado, a selecção nacional, que chegou na noite de quinta-feira, 02, a São Vicente efectua na tarde de hoje (16:00) o primeiro treino para preparar o jogo de terça-feira, 07, frente à Nigéria, após o empate de quarta-feira, 01, a um golo com a  República Centro Africana (RCA), jogo disputado nos Camarões.

O golo de Cabo Verde foi apontado por Júlio Tavares, aos 36 minutos, no primeiro remate do jogo na etapa inicial, que tirou proveito de um cruzamento do médio Kenny Rocha, para, à primeira e num remate sem preparação, bater o guarda-redes adversário.

Após o jogo com a RCA, Cabo Verde recebe A Nigéria na terça-feira, 07, no Estádio Adérito Sena, em São Vicente.

De acordo com o regulamento, os vencedores de cada grupo disputarão, em Março de 2022, um ‘play-off’ para as cinco vagas que o continente africano tem direito no Mundial de Futebol, que se realiza no Qatar.

Lista dos convocados:

Guarda-redes: Vozinha (EL Limassol, Chipre), e Márcio da Rosa (Montalegre, Portugal) e Dylan Silva – Portimonense (Portugal).

Defesas:  Steve Furtado – Beroe (Bulgária), Claudio Tavares – União Santarém (Portugal), Dylan Tavares – Neuchatel Xamax (Suíça), Henrique Brito – Felgueiras (Portugal), Ianique Tavares ‘Stopira’ – MOL Vidi (Hungria), Carlos “Ponck” – Basaksehir (Turquia), Roberto Lopes – Shamrock Rovers (Irlanda), Lorenzo Fonseca – Académica (Portugal) e Kelvin Pires ‘Djack’ – AS Trencin (Eslováquia).

 Médios: M Kevin Pina – GD Chaves (Portugal), Marco Soares – Arouca (Portugal), Patrick Andrade – Qarabag (Azerbaijão), Helder Tavares – Voluntari (Romênia), Kenny Rocha – Oostende (Bélgica), Jamiro Monteiro – Philadelphia Union (Estados Unidos) e Telmo Arcanjo – Tondela (Portugal).

 Avançados:  Garry Rodrigues – Al-Ittihad (Arabia Saudita), Ryan Mendes – Al Nasr (Emirados Árabes Unidos), Vasco Lopes – Farense (Portugal), Willis Furtado – FK Jerv (Noruega), Vagner Dias – Metz (França), Ricardo Gomes – Partizan (Sérvia) e Júlio Tavares – Al Faisaly (Arabia Saudita).

AA/DR

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos