São Vicente: Grupo de cidadãos convoca manifestação “contra política centralista e discriminatória” para dia 05 de Julho

 

Mindelo, 29 Jun (Inforpress) – Um grupo de cidadãos, a partir das redes sociais, convoca os sanvicentinos para uma manifestação, no dia 5 de Julho, dia da celebração dos 42 anos da independência nacional, com o slogan “Estamos cansados de ser ignorados, basta”.

Na página nas redes sociais, em que se faz o convite aos sanvicentinos, o grupo apela para uma “cidadania activa independente, todas as vozes, todas as cores, uma só ilha”.

A ideia da manifestação foi lançada pelo mindelense Salvador Mascarenhas, a partir da sua página no facebook, na sequência da colocação, recentemente, na Cidade da Praia, da primeira pedra para a construção do campus universitário da Universidade da Cabo Verde (uni-CV), investimento financiado pelo governo chinês e tido pela mesma fonte como “exemplo paradigmático” do “desinvestimento público” e do “desvio de projectos” de São Vicente para Santiago.

“A manifestação é muito mais profunda do que a questão dos polos, que é o reflexo do país desequilibrado a duas velocidades onde se concentram todas as riquezas num só local e o resto à míngua, que somos energicamente contra”, lê-se na página que vimos citando.

Os organizadores consideram que a adesão ao convite é “bastante boa” até ao momento, a julgar, dizem, pelos comentários, partilhas e gostos na página da manifestação no facebook.

Para os organizadores da manifestação do dia 05 Julho, feriado nacional, com concentração às 10:00 na Praça Estrela, chegou o momento de São Vicente “dar um basta” ao “centralismo exacerbado” desencadeado pelos sucessivos governo do período pós-independência, e com “reflexos devastadores” na economia da ilha.

AA/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos