São Vicente: Escola aproveita ciclismo como ferramenta pedagógica para uso correcto das vias por alunos

Mindelo, 09 Mai (Inforpress) – A Escola Arnaldo Medina, a comemorar 26 anos de existência, decidiu introduzir nas celebrações o ciclismo como ferramenta pedagógica, após a constatação do mau uso das vias e da bicicleta em frente à escola, situada numa via movimentada.

A ideia do gestor Jorge Fonseca envolveu a Polícia Nacional e a Associação de Ciclismo de São Vicente, entre outros parceiros, com dois objectivos, segundo a mesma fonte.

“Mostrar aos alunos outras modalidades desportivas, que nem só futebol, onde geralmente afunilam, ou seja, que o ciclismo também é uma opção e, por outro lado, envolver um cariz pedagógico para formar alunos/cidadãos para uma saudável utilização da bicicleta e das vias”, declarou o gestor à Inforpress, no final de uma corrida-relâmpago, na manhã de domingo, 08, mesmo ali à frente da escola, na Bela Vista, na imediação de uma estrada com muito movimento, a que dá acesso à Baía das Gatas.

Antes, na sexta-feira, 07, a Escola Arnaldo Medina chamou elementos da Associação de Ciclismo de São Vicente e da Secção de Trânsito da Polícia Nacional para uma conversa com os alunos do segundo ciclo, 5º e do 6º ano de escolaridade.

A Associação de Ciclismo de São Vicente destacou a temática motivacional e a Polícia Nacional tratou de mostrar aos alunos a forma adequada de utilizar a bicicleta nas estradas.

“A palestra foi muito interessante, com muita interactividade, em que os alunos participaram com entusiasmo, inclusive deram testemunho de acidentes que presenciaram por mau uso de via pública”, concretizou o gestor Jorge Fonseca, para quem os alunos da escola que dirige estão munidos de informação.

Agora, com este “reforço”, por parte da Polícia Nacional e da Associação de Ciclismo de São Vicente, o gestor espera “um melhor comportamento” dos alunos na estrada, por um lado, e, por outro, que passem a ver o ciclismo como um desporto, “como qualquer outro”.

A corrida relâmpago para culminar as actividades neste âmbito desportivo/pedagógico envolveu alunos do 5º e 6º ano de escolaridade da Escola Arnaldo Medina, a escola aniversariante, Escola Padre Usera e da Escola de Salamansa, todos do Agrupamento 3.

Ainda no âmbito da celebração dos seus 26 anos, prevê-se para o dia 12, dia do aniversário da escola, uma manhã cultural com diversas actividades desencadeadas pelos próprios alunos e, no dia 14, para finalizar o programa de comemoração, será realizada uma cerimónia de homenagem a parceiros.

Isto porque, segundo o gestor Jorge Fonseca, a escola por si só não consegue levar avante todo o processo de ensino/aprendizagem, daí os parceiros que colaborem e apoiem a escola no desenvolvimento dos seus projectos terem um momento de reconhecimento pelo “grande apoio” que têm dado nesses 26 anos.

A Escola Arnaldo Medina, sede do Agrupamento 3, tem oito salas de aula, utilizados por 160 alunos do segundo ciclo, 5º e do 6º ano de escolaridade, servidos por 15 professores, incluindo os elementos da direcção, além de cinco funcionários, entre cozinheiras, empregadas de limpeza e guardas.

AA/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos