Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

São Vicente: Encontro internacional sobre educação artística reúne mais de 30 investigadores nacionais e internacionais (c/áudio)

Mindelo, 29 Set (Inforpress) – A cidade do Mindelo acolhe entre os dias 04 e 06 de Outubro o VII Encontro Internacional sobre Educação Artística, que deverá reunir mais de 30 investigadores nacionais e internacionais para desenvolverem estratégias para esta matéria. 

Conforme avançou a organização em conferência de imprensa hoje, no Mindelo, o encontro sobre educação artística regressa a São Vicente, onde teve a primeira edição em 2010, depois de ter passado por outros países como Portugal e Brasil.

Durante estes sete anos já congregou vários investigadores que querem “estimular e contribuir para os processos de reestruturação do ensino artístico desejado em Cabo Verde e em Moçambique”, segundo Rita Raínho, investigadora do Instituto de Investigação em Arte, Design e Sociedade (i2ADS), promotor do evento.  

“O campo da educação artística e do ensino artístico tem vindo a assumir uma complexidade muito grande nos dias de hoje e, tanto aqui em Cabo Verde como em Moçambique, há uma história, um percurso e uma caminhada que precisa ser conhecida, sistematizada e valorizada”, sustentou a mesma fonte, para quem esse conhecimento permite compreender o presente e definir o futuro da educação artística nos dois países. 

O sétimo encontro, que acontece de 04 a 06 de Outubro na Faculdade de Educação e Desporto (FaED), em São Vicente, deverá reunir mais de 30 investigadores que vêm de Portugal, Brasil, Noruega, Moçambique, Espanha e Colômbia.  

Durante o fórum vão ser ainda partilhados dois estudos prévios sobre a educação artística nos dois países, realizados neste ano, e que abordam desde a educação informal, passando pelo pré-escolar até ao ensino universitário. 

“Aquilo que se espera é que se possa desenvolver estratégias para o ensino artístico nos dois países e determinar um plano de deslocação do estudo para outros países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP)”, explicou Rita Raínho sobre os objectivos do evento. 

Por outro lado, ajuntou, o objectivo é “dinamizar o relacionamento e a cooperação no estabelecimento de uma rede e proliferação de parcerias entre investigadores e as próprias instituições”, adiantou a investigadora, acrescentando haver intenção de organizar um livro com todas as reflexões epistemológicas e com o próprio relatório final. 

Contam, por outra via, ter “mais diálogo político” com os decisores nacionais para se influenciar a educação, a partir do estudo sustentado pelos núcleos de Cabo Verde e de Moçambique. 

A sessão de abertura do encontro vai ser presidida pelo ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente e terá intervenções das instituições organizadoras em Cabo Verde, sendo estas o Centro Nacional de Arte, Artesanato e Design (CNAD), a Escola Industrial e Comercial do Mindelo (Escola Técnica), o Instituto Universitário de Arte, Tecnologia e Cultura (M_EiA) e a Universidade de Cabo Verde (Uni-CV). 

Participam ainda instituições de Portugal e de Moçambique. 

Seguem-se depois sessões de trabalho presenciais e online e termina com uma mesa redonda de discussão dos resultados. 

LN/HF

Inforpress/Fim 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos