São Vicente: “Empreendedorismo não se ensina mas cria-se cultura empreendedora” – técnico da ADEI

 

Mindelo, 12 Abr (Inforpress) – O técnico da Agência para o Desenvolvimento Empresarial e Inovação (ADEI), Amílcar Morais, defendeu hoje, no Mindelo, que o empreendedorismo não se ensina, mas cria-se cultura empreendedora, que deve ser cultivada desde o ensino básico.

Amílcar Morais fez essa consideração durante a sua apresentação no Fórum da Juventude organizado pela Câmara Municipal de São Vicente, no âmbito da Semana Municipal da Juventude em comemoração ao 138º aniversário da cidade do Mindelo.

Segundo o professor e técnico da ADEI, que apresentou o tema “Empreendedorismo & cultura e turismo”, para uma plateia composta por vários jovens do ensino secundário, a juventude cabo-verdiana, e sobretudo a mindelense,  só agora começou a desenvolver “algum apetite” para o empreendedorismo e a ter algumas atitudes empreendedoras, não só por oportunidade mas também por necessidade.

“O sistema do ensino cria funcionários e nem sempre os melhores alunos transformam-se em grandes empresários”, afirmou Amílcar Morais, que realçou a necessidade da criação de uma cultura empreendedora para mostrar que o empreendedorismo é vivência que se aprende na prática e não numa disciplina.

A realização deste fórum da juventude, para assinalar a Semana Municipal da Juventude tem como principal objectivo, segundo a vereadora Solange Neves, aproximar os jovens de todas as localidades de São Vicente, no sentido de poderem reactivar o Conselho Municipal da Juventude (CMJ), inactivo há um ano.

“Era para fazermos uma série de actividades em comemoração à semana municipal da juventude mas tal não foi possível exactamente pela inactividade do CMJ”, afirmou a vereadora, que considerou este fórum como o primeiro passo para reaproximar os jovens do poder local.

O fórum da juventude, com enfoque nas temáticas do empreendedorismo versus cultura e turismo, oportunidades e inovação e turismo cultural tem como objectivo contribuir para desenvolver nos jovens uma cultura empreendedora, estimulando a sua criatividade e inovação no domínio de actividades que possam dinamizar o turismo na ilha de São Vicente.

Coloca também ênfase na importância da participação activa dos jovens no processo de desenvolvimento da ilha, na consolidação da democracia e na afirmação do poder local.

O presidente da câmara de São Vicente, Augusto Neves, que presidiu à abertura do fórum, afirmou que esta é a semana da cidade porque Mindelo completa 138 anos, no próximo dia 14, e a autarquia decidiu dedicar essa data à juventude mindelesne.

“É uma data muito bonita que nos chama a reflectir a partir da juventude e de temas de muita importância para a ilha, como a cultura o turismo e o empreendedorismo”, precisou.

O autarca afirmou ainda que a ilha está a preparar condições para abranger um “turismo forte” e daí que convida a juventude para debater temas que “seguramente” são a identidade e o futuro do desenvolvimento da ilha.

EC/AA/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos