Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

São Vicente: Embaixador quer ver aumentadas exportações de Cabo Verde para os EUA

Mindelo, 13 Set (Inforpress) – O embaixador dos EUA disse hoje, no Mindelo, que uma das missões da embaixada em Cabo Verde é aumentar as exportações do País para os EUA, em que o instrumento AGOA tem “um papel essencial”.

Jeff Daigle, que iniciou hoje, pela Câmara Municipal de São Vicente, a sua primeira visita oficial à ilha do Porto Grande, sublinhou que a mesma se enquadra nos três objectivos da missão da Embaixada dos EUA, que são a segurança, em particular a segurança marítima, promover a cooperação económica e comercial e fortalecer “ainda mais a sociedade inclusiva que já existe em Cabo Verde”.

“E São Vicente tem potencial e actividades nos três objectivos da missão da embaixada”, reforçou Jeff Daigle, que ainda hoje deve visitar a conserveira Frescomar e a associada Atunlo, duas empresas que participaram em workshop sobre o AGOA, conforme informou, precisamente para “fortalecer ainda mais” essa capacidade de exportar para os EUA.

Aliás, o embaixador afirmou que se encontra ao corrente das informações segundo as quais as exportações de Cabo Verde aumentaram, principalmente na área dos produtos pesqueiros e do grogue.

Na vertente da promoção da cooperação económica e comercial, Jeff Daigle deve visitar ainda o hotel Four Points by Sheraton, em construção na Laginha, “o maior investimento norte-americano de sempre” em Cabo Verde. 

Segundo o embaixador, a visita terá igualmente um dia dedicado à inclusão social e em que tomará contacto com três projectos financiados pelo fundo de auto-ajuda do embaixador, os designados pequenos projectos, um dos quais a Escola João José dos Santos, na Ribeirinha, que recebeu rampas para melhorar acesso a alunos com deficiência, financiadas pela embaixada, e ainda os projectos “Palavra Palavra” e “Café Verde”.

Sobre a cooperação militar, sobretudo a segurança marítima, Jeff Daigle destacou a Guarda Costeira, que deve visitar na quarta-feira, 15, e São Vicente como “elementos-chave” dessa cooperação, estando em análise, declarou, a possibilidade de novas áreas de cooperação, entre elas, anunciou, a construção de um “pequeno porto” para a Guarda Costeira. 

Na Câmara Municipal de São Vicente, o embaixador dos EUA foi recebido pelos vereadores Rodrigo Rendall e Albertino Graça, com o primeiro a destacar a “honra e a satisfação” por receber o embaixador na sua primeira visita oficial a São Vicente, “um país amigo, parceiro de muitos anos”.

“Ele falou-nos de vários projectos em curso importantes para São Vicente e para o País e contámos com apoio de sempre dos EUA para fazer face aos grandes desafios de desenvolvimento do País”, reforçou Rodrigo Rendall, na qualidade de presidente substituto da autarquia.

A mesma fonte deu ainda conta ao embaixador que a câmara de São Vicente vai realizar em Dezembro um fórum, a nível nacional, para discutir “vários aspectos” do desenvolvimento de São Vicente e o que a região norte do País, na área da economia, pode fazer para melhorar o ambiente de negócios na ilha, na região e no País.

AA/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos