Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

São Vicente/CV Ocean Week: Presidente da República reforça comprometimento da sua agenda com economia marítima

Mindelo, 22 Nov (Inforpress) – O Presidente da República, José Maria Neves, reiterou hoje, no Mindelo, o comprometimento que a sua agenda presidencial terá com “grandes causas” e muito particularmente com a economia marítima e para a qual “não poupará esforços”.

O chefe de Estado assegurou esta posição no seu discurso hoje durante a abertura oficial da 4ª edição da Cabo Verde Ocean Week (Semana dos Oceanos), que teve lugar no Centro Oceanográfico do Mindelo.

Segundo a mesma fonte, a agenda presidencial estará sempre comprometida com as “grandes causas” do desenvolvimento e “muito particularmente” com a agenda da economia marítima e do desenvolvimento sustentável, baseado nos princípios que norteiam os compromissos de Cabo Verde com o crescimento azul, depositados em 2015 junto do Fundo Alimentar Mundial, entre estes a gestão sustentável dos oceanos e a protecção da vida marinha.

“Não pouparemos esforços no apoio necessário à busca das ancoragens necessárias, das melhores parcerias e na estruturação de uma agenda e de uma frente diplomática e de influenciação, no plano interno e externo”, assegurou José Maria Neves.

Tudo isso, ajuntou, para uma actuação “mais proactiva, intencionada, determinada e produtiva, junto dos organismos internacionais em defesa dos interesses de Cabo Verde nos assuntos ligados à gestão sustentável dos recursos dos oceanos, do clima, do crescimento azul, da economia e da segurança marítima”.

O Presidente da República garantiu que estará também ao lado do Governo e do poder local, do sector privado, dos empreendedores, dos criadores e dos inovadores, que estejam engajados com o desígnio de “trabalhar árdua e concertadamente para a construção de uma forte economia marítima”, capaz de alavancar o desenvolvimento das ilhas, com epicentro na “bela ilha” de São Vicente.

Em representação do Governo, o ministro do Mar, Paulo Veiga, afiançou que a gestão sustentável do mar, do oceano e seus recursos marinhos, é uma das “principais prioridades” do executivo, pois “não só salvaguarda o presente, mas garante a sustentabilidade dos recursos marinhos renováveis para benefício de gerações presentes e vindouras”.

A protecção do oceano, segundo o governante, é “essencial e prioritária” a nível global e em particular para Cabo Verde, um país eminentemente costeiro.

“A protecção desejada só pode ser atingida pelo aumento do conhecimento científico sobre o oceano e da discussão integrada da sua influência no homem e da influência do próprio homem nos oceanos”, considerou Paulo Veiga, para quem uma população devidamente informada, “consegue comunicar sobre o oceano de forma significativa e é capaz de tomar decisões informadas e responsáveis acerca deste e dos seus recursos”.

Já o presidente da Câmara Municipal de São Vicente, Augusto Neves, também presente na cerimónia, considerou que Mindelo, “ao abraçar o propósito marítimo, poderá ter encontrado um rumo que o reconcilia com a sua geografia”.

O autarca disse estar convicto de que os mindelenses precisam de “alguns desígnios” e um deles é o mar.

A Cabo Verde Ocean Week, que arrancou neste domingo, 21, prossegue até sexta-feira, 26, com diversas actividades em formato hibrido, presencial e virtual.

LN /JMV
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos