Cooperação CCB/Canárias abre possibilidade de formação a jovens e mulheres em electricidade e canalização

Mindelo, 11 Mai (Inforpress) – A Câmara de Comércio do Barlavento (CCB) e a Federação Providencial de Empresários do Metal e Novas Tecnologias (FEMETE), das Canárias, promovem acções de formação em electricidade e canalização, destinadas a jovens e mulheres da região do Barlavento.

Trata-se, de acordo com a CCB, de uma acção que decorrerá entre 27 do corrente mês e 09 de Junho, que surge no quadro do ConfiÁfrica, um projecto de cooperação internacional cofinanciado pela cooperação territorial INTERREG MAC.

O objectivo é reforçar a relação das Ilhas Canárias com entidades empresariais de Cabo Verde, potenciando as oportunidades de negócio a nível de exportações, investimentos e ‘procurement’ internacional, contribuindo assim para reforçar as capacidades e oportunidades de emprego local.

Com esses dois cursos, designados tecnicamente de Instalação de Sistema de Transporte de Fluídos e de Montagem de Instalações Eléctricas de Baixa Tensão, a CCB contribui, segundo os seus responsáveis, para a inserção profissional de jovens e mulheres da região do Barlavento, no reforço das oportunidades de emprego e empregabilidade dos beneficiários, conforme estudo de mapeamento de perfis profissionais, recentemente elaborado pela Cooperação Luxemburguesa.

As formações serão ministradas por uma equipa de dois consultores-tutores canários, da FEMETE, e dois formadores locais, os quais beneficiaram, em 2021, de uma formação de formadores, em Santa Cruz de Tenerife.

A ideia é preparar profissionais para responder às “iminentes necessidades” do mercado em produção, transporte e energia eléctrica, construção e obra civil, hotelaria, restauração e turismo, instalação e manutenção e reparação naval.

De acordo com a CCB, durante a visita a Mindelo, os representantes e parceiros do projeto ConfiÁfrica visitarão alguns centros de formação técnica e profissional de São Vicente, na “busca de inputs” que possam ser úteis na montagem de novos projectos de cooperação para o sector do ensino técnico e profissional.

A ocasião será ainda aproveitada para a realização de uma reunião em que os membros-parceiros farão o balanço das actividades realizadas no âmbito do projeto ConfiÁfrica, entre 2020 e 2021, nomeadamente nos países-parceiros africanos, que incluem Cabo Verde, Mauritânia e Senegal.

AA/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos