São Vicente: Conversas azuis marcam segundo dia do CVOW com a economia azul no centro das atenções 

Mindelo, 22 Nov (Inforpress) – A edição 2022 da Cabo Verde Ocean Week (CVOW) introduziu, ao segundo dia, os “blues talks” (conversas azuis) com tema central “Economia azul – novas oportunidades” e uma plateia recheada de universitários e alunos do secundário.

O evento decorre no Centro Oceanográfico do Mindelo, na Cova de Inglesa, em São Vicente, e na manhã de hoje foram apresentados dois projectos centrados na economia azul, o primeiro dos quais apresentado por Rafaella Gazellino, ex-reitora da Universidade do Atlântico (UTA).

A especialista chamou a atenção para a necessidade de Cabo Verde, que é um “hotspot”, preservar a sua biodiversidade, que “tem que ser identificada como riqueza” do País, e cuidar das espécies.

Gozellino apresentava o projecto Parley Foundation, um espaço de criadores e líderes que podem tomar decisões sobre a beleza, mas também sobre a fragilidade dos oceanos.

“Sabemos que os oceanos estão a sofrer, sofrimento que alcança os humanos, devido aos desequilíbrios do sistema que inevitavelmente afecta a raça humana”, especificou a mesma fonte, que lembrou que “se os oceanos morrerem a raça humana vai também morrer”.

Por isso, continuou, há que juntar eco-sistemas da natureza e o económico, porque “políticas ambientais são fundamentais, mas é preciso envolver mais o sector privado”, advertiu a mesma fonte, para quem Cabo Verde pode ser transformado “numa ilha do futuro”.

A economia azul tem a sua origem nas preocupações ambientais mais amplas, em articulação com uma tomada de consciência crescente da necessidade de preservação dos eco-sistemas oceânicos.

É tida como oportunidade de investimentos para o alcance dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, nomeadamente o ponto 14 relativamente à conservação e uso sustentável dos oceanos, dos mares e dos recursos marinhos.

Sob o lema “Amar o mar”, a 5ª. edição da CVOW continua na quarta-feira, 23, com as conversas azuis, as quais reúnem governantes e especialistas da área para debater problemas e apresentar alguns projectos relacionados com os oceanos.

O centro da cidade também recebe actividades como a “Feira azul”, também prevista para quarta-feira, 23, na Praça Dom Luís, e dedicada às profissões ligadas ao mar.

Faz parte ainda da agenda a maratona de ideias “Ocean Inovathon – criação de soluções para os oceanos”, que pretende envolver as universidades, start-ups, empresas públicas e privadas e empreendedores para a transferência do conhecimento científico e desenvolver a capacidade de pesquisa e transferência de tecnologia marinha.

A programação da 5ª. edição da CVOW inclui ainda outros pontos, entre eles o concurso e exposição de fotografias relacionadas com o mar, desporto náutico, workshops nas zonas piscatórias de São Vicente.

Termina na sexta-feira, 25, com o “Blue food festival”, um festival de produtos do mar a realizar-se na comunidade piscatória de Salamansa.

AA/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos